Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Abel diz que Boca precisará evoluir para passar pelo Flu

Por AE

Buenos Aires – O Boca Juniors venceu o Fluminense por 1 a 0, na última quinta-feira, em Buenos Aires, pela partida de ida das quartas de final da Libertadores, mas a atuação argentina não convenceu Abel Braga. O técnico do time carioca declarou que o adversário jogou “pouco” e precisará fazer mais se quiser passar por sua equipe.

“Se o Boca jogar novamente na volta o que jogou aqui é pouco. Sem dúvida é pouco”, declarou o treinador, já projetando o confronto que acontecerá na próxima quarta-feira, às 19h30, no Engenhão, e definirá o primeiro classificado para as semifinais da competição.

Para Abel, a vitória argentina só foi alcançada por conta da arbitragem. O colombiano José Buitrago expulsou o lateral Carlinhos ainda no primeiro tempo, mas a principal reclamação do Fluminense foi em relação a um pênalti não marcado, após toque de mão de Roncaglia dentro da área, e à violência do adversário.

Assim, o técnico da equipe carioca apontou que o árbitro se tornou um 12.º jogador do Boca Juniors em campo. “Começamos a partida jogando 11 contra 11, mas terminamos jogando com 10 e eles com 12”, ironizou.

Independentemente das reclamações, o destaque da partida ficou por conta do goleiro Diego Cavalieri, que impediu um placar mais elástico com grandes defesas. Para ele, o confronto ainda está aberto e o Fluminense pode se classificar. “A nossa equipe tem total capacidade de reverter este resultado”, garantiu.