Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Whindersson Nunes é o segundo youtuber mais influente do mundo

De acordo com pesquisa, Felipe Neto, Julio Cociello e Felipe Castanhari são os outros brasileiros que também figuram no ranking dos mais influentes

O piauiense Whindersson Nunes é o segundo youtuber mais influente do mundo, atrás apenas do sueco Felix Arvid Ulf Kjellberg, conhecido na internet como PewDiePie. O dado vem de uma pesquisa realizada em junho pela Snack Intelligence, divisão da rede Snack de canais no YouTube que monitora e analisa o mercado audiovisual digital. Segundo o estudo, o Brasil tem outros youtubers no top 10 de influência: Felipe Neto, em terceiro lugar, Julio Cocielo (CanalCanalha), na sexta colocação, e Felipe Castanhari (canal Nostalgia), em sétimo.

LEIA TAMBÉM:
Quem é Thaynara OG, a primeira estrela nacional do Snapchat
Christian Figueiredo: do YouTube à lista de mais vendidos

Os dez youtubers mais influentes do mundoCom a ajuda do software Tubular Labs, a pesquisa leva em consideração métricas como engajamento, visualizações, número de inscritos, frequência de publicação e atividade do canal, entre outras. A cada youtuber foi atribuído um valor que vai de zero a mil, com base nessas métricas (confira o ranking ao lado).

Whindersson Nunes se tornou famoso na internet por suas paródias – de Adele a Luan Santana, nada escapa do rapaz de 21 anos. Ele possui mais de 10 milhões de inscritos em seu canal no YouTube, tendo a segunda maior conta brasileira no site, atrás apenas do Porta dos Fundos. Seu sucesso já o catapultou como dublador – ele faz uma das aves pré-históricas em A Era do Gelo 5.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Luiz Henrique

    Tão influentes que não conheço nem metade deles…

    Curtir

  2. SERGIO MATHIAS

    Qual é o critério para definir o que é ser influente? O cara só fala besteiras, não acrescenta nada, é de uma inutilidade absurda, assim como todos os outros “Youtuber’s”.

    Curtir

  3. Evaldo Bolton

    Influentes? divertir e entreter não é influenciar…. São formadores de opinião? lembrei de uma obra de Nietzsche “Nascimento da tragédia”.

    Curtir

  4. Jonathas Pinheiro

    Eu só conhecia o primeiro e o terceiro. E sou assíduo no YouTube. Tentei achar graça dessa música do Wi-Fi, mas não consegui.

    Curtir

  5. Pedro Fontinelly

    @pedrofontinelly
    mas mora com o pai e a mãe ainda, influencia só adolescentes (que não tem poder de compra) (e logo esquecerão essa viadagem de ‘seguir youtuber’) e de quebra, como cereja do bolo: ele, por ser tão influente, não é profissional de nada! hahahaha se acabar o boom do Youtube, ele será um bom em que? a imprensa não anda contratando muito também, redações enxutas (…)

    Curtir