Série ‘Star Trek: Discovery’ tem estreia adiada para maio de 2017

Produtores alegam precisar de mais tempo para entregar uma obra de qualidade aos fãs

Star Trek: Discovery, a nova série de TV baseada na célebre saga de ficção científica, teve sua data de estreia adiada para maio de 2017 por motivos criativos e de produção. Um comunicado divulgado no site oficial de Star Trek informou que a emissora americana CBS, que exibirá a nova série, decidiu adiar o lançamento, que inicialmente estava previsto para janeiro.

LEIA TAMBÉM:
‘Star Trek: Sem Fronteiras’ estreia com US$ 59,6 mi nos EUA
Beijo gay é cortado de ‘Star Trek: sem Fronteiras’
‘Star Trek’: Intérprete original reprova Sulu gay
Revelado o primeiro personagem gay de ‘Star Trek’
Beijo gay é cortado de ‘A Lenda de Tarzan’

No texto, os responsáveis pela série afirmam que não querem comprometer a qualidade da pós-produção e o resultado final por ter de cumprir o cronograma da estreia, e que decidiram, junto com a CBS, adiar o lançamento. “Relançar Star Trek na televisão implica uma responsabilidade e uma missão: agradar tanto os fãs como os novatos com a série que alimentou nossa imaginação desde a infância”, disseram os produtores executivos de Star Trek: Discovery, Alex Kurtzman e Bryan Fuller.

Neste sentido, Kurtzman e Fuller argumentaram que Star Trek merece “o melhor” e destacaram que esses “meses extras” ajudarão a criar uma série da qual todos possam “estar orgulhosos”. Por enquanto, se sabem poucos detalhes de Discovery, a sétima série televisiva que adentrará no mundo de Star Trek.

Em uma apresentação na última edição da Comic-Con de San Diego, Fuller antecipou que a nova série seguirá apostando em romper limites e lançar uma mensagem de esperança para o futuro. “Uma das coisas mais bonitas de Star Trek é que as pessoas que assistem o programa querem se transformar em cientista, querem ir ao espaço”, comentou Fuller. “Temos que festejar a progressão de nossa espécie porque atualmente parece que precisamos de um pouco de ajuda”, acrescentou o produtor, que lembrou também que Star Trek celebra a diversidade e a aceitação das diferenças.

Como primeiro indício, já se sabe que Star Trek: Discovery terá como protagonista uma mulher que não seja branca.

(Com agência EFE)