Norah Jones faz, nos EUA, emocionante homenagem a Chris Cornell

Cantora transformou 'Black Hole Sun' em uma canção intimista e cheia de pausas -- deixas para chorar

Norah Jones fez uma homenagem ao cantor Chris Cornell que sensibilizou o público do Fox Theatre, em Detroit (EUA), mesmo local do último show da vida do músico, encontrado morto na semana passada, horas depois da apresentação. Ao piano, a cantora fez uma interpretação emotiva de Black Hole Sun, talvez o maior hit da banda grunge Soudgarden, criada e liderada por Cornell.

O roqueiro morreu na quarta-feira da semana passada, dia 17 de maio, aos 52 anos. Como foi encontrado com uma faixa em volta do pescoço, a polícia trata o caso como suicídio. A viúva de Cornell, porém, questiona a tese, já que falou com o músico após o show em Detroit e ele não deixou qualquer bilhete, o que é típico em casos de suicídio.

Norah Jones, que fez a homenagem na última terça-feira, transformou Black Hole Sun em uma canção intimista e cheia de pausas, sem a pegada roqueira original.