Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Mulher que atacou Butler esteve em outros protestos agressivos

Celene Carvalho participou de ato que terminou em confusão no MAM em setembro e hostilizou Eduardo Suplicy em 2015

A mulher que agrediu a filósofa americana Judith Butler no Aeroporto de Congonhas, em São Paulo, nesta sexta-feira, esteve em pelo menos outros dois protestos que terminaram em confusão.

Celena Carvalho, que no vídeo do ato desta sexta aparece empurrando um carrinho de bagagem contra Butler e sua mulher, também participou de uma manifestação no MAM (Museu de Arte Moderna) da capital paulista em setembro. O grupo protestava contra a performance em que o bailarino Wagner Schwartz foi tocado nu por uma criança. Na ocasião, funcionários do museu foram agredidos e chamados de “pedófilos” pelos manifestantes.

Dois anos antes, em 2015, Celene estava na Livraria Cultura do Conjunto Nacional, em São Paulo, em um ato contra os petistas Eduardo Suplicy e Fernando Haddad, que participavam de uma sabatina no local. Em um vídeo do protesto, a militante aparece gritando exaltada com Suplicy. Depois, é filmada bradando: “Aqui não é PT, não! Aqui é terra dos coxinhas”.

Nesta sexta, Celena era uma das duas manifestantes que perseguiram Judith Butler pelo terminal de Congonhas, disparando agressões verbais e carregando cartazes com o rosto da filósofa dentro de um sinal proibido. Em declaração para o jornal O Estado de S. Paulo, a militante justificou o ato: “Ela é personificação da ideologia de gênero, uma falsa acadêmica que defende uma falsa ideologia”.

 

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. VERDE e AMARELO

    A insanidade da ideologia de gênero serve a conspiração comunista, que mataram mais de 120 milhões de cidadãos, entre 1917 e 2004, quem são os verdadeiros agressores?
    As instituições foram infiltradas, intervenção já!

    Curtir

  2. Parabéns Celene, estamos contigo.

    Curtir

  3. Social Democrata Nem Direita Nem Esquerda

    Boa! Essa ai tem meu apoio. Parabéns Celena, tem nosso integral apoio. Você fala e age por nós que infelizmente não podemos estar ai.

    Curtir

  4. Antônio de Oliveira Marques

    Anarquismo tem filosofa?
    A anarquia da filosofia.

    Curtir

  5. Sergio Vasconcelos

    Vocês da Veja gostam de promover a pederastia e a pedofilia ? Apreciam exercer a pedofilia junto a seus fiilhos ? Só assim para entender a defesa da pederastia e pedofilia da sapatão Butler !!

    Curtir

  6. Sergio Vasconcelos

    Veja, vai te catar !!

    Curtir

  7. Osmar Serrragem

    Pelo menos ela nunca queimou pneus em rodovias, mascarada, nem atirou pedras, vendada, em agências bancárias. Expõe sua própria cara!

    Curtir

  8. Peter Mariano Gomes

    Parabéns Celene,r quanto a tal filósofa, ainda é lésbica, AFF…

    Curtir