Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Morre aos 48 anos Scott Weiland, ex-vocalista do Stone Temple Pilots

Músico foi encontrado morto no ônibus de sua banda The Wildabouts em Bloomington, no Estado americano de Minnesota, onde se encontrava em turnê

O ex-vocalista dos grupos de rock Stone Temple Pilots e Velvet Revolver, Scott Weiland, morreu nesta quinta-feira aos 48 anos, segundo confirmou sua esposa ao jornal Los Angeles Times. Um comunicado no perfil do músico no Facebook detalhou que Weiland morreu enquanto dormia no ônibus de sua banda The Wildabouts na cidade de Bloomington, no Estado americano de Minnesota, onde se encontrava em turnê.

Leia também:

Stone Temple Pilots demite próprio vocalista, Scott Weiland

Em processo, ex-vocalista quer US$ 7 milhões do Stone Temple Pilots

Weiland nasceu no dia 27 de outubro de 1967 em Santa Cruz, na Califórnia, e fundou com os irmãos Robert e Dean DeLeo e Eric Kretz no final dos anos 1980 o grupo Mighty Joe Young, que depois daria lugar ao Stone Temple Pilots. Com álbuns como Core (1992) e Purple (1994), o Stone Temple Pilots obteve grande sucesso de vendas com seu som que mesclava grunge e hard rock.

Após várias desavenças e paralisações ao longo de sua trajetória, o grupo californiano finalmente demitiu o vocalista em fevereiro de 2013. Weiland foi substituído por Chester Bennington, também vocalista do Linkin Park, até poucas semanas atrás, quando o cantor anunciou que deixaria o Stone Temple Pilots para se dedicar à sua banda original.

Weiland, que teve problemas com drogas e a Justiça americana em várias ocasiões ao longo de sua vida, se lançou em carreira solo com o disco 12 Bar Blues, em 1998, e também integrou o conjunto Velvet Revolver, que contava com ex-integrantes da formação clássica do Guns N’ Roses, entre eles o guitarrista Slash, com quem lançou dois álbuns.


(Com agência EFE)