Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Madonna explica defesa de ciganos

Depois de ser vaiada no palco por defender os ciganos na Romênia, Madonna veio a público para explicar ser comentários. Segundo a porta-voz da cantora, Liz Rosenberg, a rainha do pop foi “compelida” a se pronunciar pois teve conhecimento da discriminação através de dançarinos de sua turnê, que são roma.

Na quinta-feira, Madonna interrompeu seu show em Bucareste, capital da Romênia, para defender os ciganos que vivem no país. Ela disse que ficava “triste” com o preconceito e que ninguém deveria sofrer discriminação. “Chamou minha atenção que há muita discriminação contra romenos e ciganos em geral na Europa Oriental”, disse.

Nesse momento, boa parte das 60.000 pessoas presentes ao espetáculo começaram a vaiar a cantora. Ela não respondeu e continuou. “Não acreditamos na discriminação. Acreditamos na liberdade e direitos iguais para todos”. Madonna, então, continuou normalmente com o show.

Há oficialmente 500.000 ciganos na Romênia, mas o número real pode estar na casa dos 2 milhões. Os ciganos são um grupo étnico nômade, a maior parte vivendo no sul e leste da Europa. Nas últimas décadas milhares migraram para o oeste na busca por empregos e melhores condições de vida.