Indicado brasileiro ao Oscar estreia com sete pagantes no Sul

Escolhido pelo MinC, ‘Pequeno Segredo’ é exibido em apenas uma sala de cinema para cumprir regra da Academia de Hollywood

O filme Pequeno Segredo, de David Schurmann, escolhido pelo Ministério da Cultura para representar o Brasil na disputa por uma vaga na categoria de filme estrangeiro no Oscar, entrou em cartaz em uma sala em Novo Hamburgo, Rio Grande do Sul.

O longa será exibido por sete dias consecutivos, em apenas um horário, às 16h30, no Cinespaço, no shopping Bourbon Novo Hamburgo. Em sua primeira sessão na cidade do interior, a sala, com capacidade para 150 pessoas, recebeu sete pagantes, apurou VEJA. Até o momento, não há confirmação de que o longa seja ou será exibido em outros cinemas. A distribuidora prefere não falar sobre o assunto.

LEIA TAMBÉM:
Diretor de ‘Pequeno Segredo’: Polêmica do Oscar ofusca filme
Bruno Barreto critica ‘preconceito’ contra ‘Pequeno Segredo’
MinC indica ‘Pequeno Segredo’ para disputar vaga no Oscar
Diretor de ‘Aquarius’ sobre MinC e Oscar: ‘Decisão política’

O lançamento restrito acontece para cumprir uma das regras de elegibilidade da Academia de Hollywood. Para concorrer ao Oscar, o filme indicado por cada país deve ser exibido em sua nação de origem por uma semana, antes do dia 30 de setembro. Pequeno Segredo está previsto para estrear em circuito nacional em 10 de novembro.

A estratégia não é nova. Em 2007, Tropa de Elite também fez uma estreia limitada para cumprir o pré-requisito. O mesmo aconteceu no ano seguinte com Última Parada 174.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Eduardo Da Plancha

    deve ser muito bom o filme, pena nao estrear em outros cinemas…

    Curtir