Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Filme ‘A Garota Dinamarquesa’ é banido no Catar

Usuários das redes sociais protestaram nos últimos dias contra o que chamaram de "depravação" da produção, que retrata uma das primeiras pessoas a realizar uma cirurgia de mudança de sexo

O filme estrelado por Eddie Redmayne (A Teoria de Tudo), A Garota Dinamarquesa, que retrata uma das primeiras pessoas a realizar uma cirurgia de mudança de sexo, foi proibido de passar no Catar, como informou o Ministério da Cultura do país nesta segunda-feira em sua conta no Twitter. O longa havia estreado este mês em alguns cinemas da capital, Doha.

LEIA TAMBÉM:

Filme é banido da Rússia por retratar o país como ‘sub-humano’

Índia proíbe a exibição de ‘Cinquenta Tons de Cinza’

‘Sniper Americano’ é banido de cinema no Iraque

Nudez e sexo são cortados de ‘Cinquenta Tons’ no Vietnã

“Gostaríamos de informar que entramos em contato com a administração, que ficou preocupada, e as exibições de A Garota Dinamarquesa foram agora banidas dos cinemas”, diz o tuíte. “Nós agradecemos pela vigilância constante de vocês.” Segundo o site do jornal The Guardian, usuários das redes sociais do Catar vinham protestando nos últimos dias contra o que eles chamavam de “depravação” do filme.

A produção, que chega aos cinemas brasileiros em 25 de fevereiro, é dirigida por Tom Hooper (O Discurso do Rei) e traz Redmayne como Lili Elbe, considerada pioneira transgênero por ter sido a primeira a realizar a cirurgia de mudança de sexo, no começo do século XX. O longa acompanha a história de Lili e sua esposa, Gerda Wegener (Alicia Vikander), que inicialmente incentiva o marido a se vestir como mulher para ajudá-la em um trabalho.

(Da redação)