Feriado em casa? Confira 8 sugestões para ver na Netflix

Confira a seleção de títulos para curtir no sofá de casa

Em um feriadão prolongado, frio em boa parte do país, nada melhor do que descansar no sofá vendo os seus filmes e séries preferidos. Decidir a que assistir, no entanto, nem sempre é uma tarefa fácil diante de catálogos diversificados como o da Netflix. Para ajudar você, VEJA selecionou oito títulos que estão chegando ou vão sair do serviço de streaming, além de outros que são queridinhos do público. Confira:

Ela

O ator Joaquin Phoenix em cena do filme Her, de Spike Jonze

O ator Joaquin Phoenix em cena do filme Ela, de Spike Jonze (Divulgação/VEJA)

Disponível a partir de 1º de maio, Ela acompanha o romance entre Theodore (Joaquin Phoenix), um escritor solitário, e a assistente pessoal de seu computador, Samantha (Scarlett Johansson), uma espécie de Siri do iPhone. Dirigido por Spike Jonze (Quero Ser John Malkovich), o filme concorreu a cinco estatuetas no Oscar — incluindo a de melhor filme — e levou para casa a de melhor roteiro original.

Designated Survivor

Kiefer Sutherland é Tom Kirkman, o ‘sobrevivente designado’ a presidente dos Estados Unidos (Divulgação/Netflix)

Quando toda a cúpula política dos Estados Unidos morre em um atentado ao Capitólio, o Secretário de Habitação e Desenvolvimento Urbano, Tom Kirkman, assume o país como presidente em Designated Survivor. Atualizada pela Netflix uma vez por semana com um novo episódio, a série é uma ótima pedida aos órfãos de House of Cards — outro drama político, cuja quinta temporada estreará no serviço de streaming em 30 de maio.

 

Precisamos Falar sobre o Kevin

Ezra Miller e Tilda Swinton em ‘Precisamos Falar sobre o Kevin” (2011) (IMDb/Reprodução)

Última oportunidade para assistir ao longa pelo serviço de streaming. Estrelado por Tilda Swinton (As Crônicas de Nárnia: O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa) e Ezra Miller (As Vantagens de Ser Invisível), Precisamos Falar sobre o Kevin traz à tona temas como crueldade infantil e psicopatia, ao mostrar um massacre segundo o ponto de vista da mãe do algoz. A produção sairá do catálogo da Netflix em 1º de maio.

 

A Lenda de Oz

(Reprodução/Reprodução)

Nesta sequência animada do clássico O Mágico de Oz, Dorothy e Totó voltam à cidade das esmeraldas para ajudar o Espantalho, Homem de Lata e Leão a derrotar um novo vilão, o irmão mais novo da Bruxa Má do Oeste. A partir de 1º de maio, a criançada poderá se divertir na Netflix com o filme A Lenda de Oz, dublado pela cantora Manu Gavassi e pelo global Rodrigo Lombardi.

 

Capitão América: Soldado Invernal

Capitão América (Chris Evans) e Soldado Invernal (Sebastian Stan) em 'Guerra Civil'

(Zade Rosenthal/ Marvel/VEJA)

Depois de décadas congelado, Steve Rogers (Chris Evans) tenta se acostumar com os Estados Unidos do novo milênio — onde um Capitão América não é mais tão necessário. Entre crises existenciais e antigos romances, o protagonista descobre que seu amigo Bucky foi transformado em uma máquina de matar pela Hydra, organização nazista que perdura até os dias de hoje. Para os fãs de ação e quadrinhos, Capitão América: Soldado Invernal chega à programação da Netflix em 1º de maio.

Chatô: O Rei do Brasil

O EMPRESÁRIO - o Assis Chateaubriand, vestido no fardão de “imortal” da ABL: com o volume sempre estourando

O empresário Assis Chateaubriand, vestido no fardão de “imortal” da ABL: com o volume sempre estourando (Divulgação/VEJA)

Inspirado no best-seller homônimo, Chatô: O Rei do Brasil acompanha a vida e as conquistas de Assis Chateaubriand, um dos grandes nomes do jornalismo brasileiro e criador do Masp. Vítima de um AVC, Chatô delira com o dia de seu juízo final, transmitido para todo o Brasil ao vivo e no horário nobre, no qual encara amores e desafetos para um acerto de contas. Dirigido por Guilherme Fontes, que chegou a ser processado pela demora em concluí-lo, apesar de usar dinheiro público, o filme chegou a ser cogitado como o representante do Brasil na corrida para o Oscar, mas perdeu para Pequeno Segredo.

 

A Origem dos Guardiões

(Reprodução/Reprodução)

Enquanto milhões de crianças adoram o Papai Noel, Coelhinho da Páscoa e a Fada do Dente, outros personagens ficam de escanteio. Um desfalque, no entanto, leva Jack Frost — um garoto que controla o inverno — ao Conselho dos Guardiões. O problema é: apenas uma criança no mundo acredita nele, e caso este cenário não seja revertido, o Bicho Papão transformará os sonhos dos pequenos em pesadelo. Dirigida por Peter Ramsey (Shrek Terceiro), A Origem dos Guardiões é uma ótima animação para assistir com a família reunida.

 

Tales by Light

(Divulgação/Netflix)

Nova no catálogo da Netflix, a minissérie Tales by Light conta a história por trás de fotografias que ganharam o mundo, assim como dos fotógrafos responsáveis por elas. Gravados nos cinco continentes, os doze episódios servem como um alento ao olhar, enquanto discutem culturas locais, política e meio-ambiente.