Fátima Bernardes: ‘Casamento e prisão são quase a mesma coisa’

Recém-separada de William Bonner, a apresentadora se mostrou bem soltinha na manhã desta segunda-feira, ao fazer piada com matrimônio

Recém-separada de William Bonner, a apresentadora Fátima Bernardes se mostrou bem soltinha na manhã desta segunda-feira, ao fazer piada com a instituição do matrimônio. “Casamento e prisão é quase a mesma coisa”, disse no matutino Encontro com Fátima Bernardes, da Globo, ao ecoar uma piada do ator Murilo Rosa que passou despercebida quando a atriz Klara Castanho, de 16 anos, contou ter sido emancipada pelos pais e agora poder se casar e ser presa. “Brincadeirinha”, atalhou logo em seguida Fátima — com uma bela gargalhada.

“Eu não pretendo ficar mais independente. Meus pais me emanciparam por causa do meu trabalho”, contou Klara, que em seguida explicou o que muda na sua vida com a medida. “A emancipação me proporciona coisas que eu não pretendo fazer: eu posso casar e eu posso ser presa”. Foi então que Rosa fez graça. “Dependendo da situação, são quase a mesma coisa.”

William Bonner e Fátima Bernardes anunciaram o divórcio no final de agosto, depois de 26 anos de casamento.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. O matrimonio é maravilhoso, quem o estraga é o casal que não obedece as recomendações bíblicas.

    Curtir

  2. Ataíde Jorge de Oliveira

    A diferença é que : na Cadeia se autoriza aos manos assistir o futebol na TV, sem encheção de saco!

    Curtir

  3. Joel Joel Teixeira

    Nada disso… Casamento é uma instituição divina, Dentro dos planos de Deus, o casamento é maravilhoso. Essa senhora está ressentida e tenta passar uma outra ideia para os trouxas que ficam babando e assistindo o lixo de programa que ela vomita…

    Curtir

  4. Micky Oliver

    AGORA VAI VIRAR LÉSBICA!

    Curtir

  5. junivan moura de magalhaes

    quando não da certo para mim,não posso dizer que não dará certo para voce.o autoengano é a pior prisão.

    Curtir

  6. Ricardo Silva

    é por essas que Deus coloca o homem como cabeça. cito, também, que esta senhora casou por interesses econômicos na época. mas, pergunto: qual o real motivo da separação? muitos afirmam que ela foi entrevistar o Dunga no hotel as duas da madrugada na copa da África. as duas da madrugada? tanto ela como Dunga desmentem o fato. então, eu digo que, onde há fumaça, há fogo.

    Curtir

  7. Janice Maia Ferraz

    Penso que foi infeliz na fala. Ninguém fica casado 26 anos sem confiar, amar, ser leal etc. O difícil é aceitar quando ou outro não quer mais. Sempre é bom lembrar: que seja eterno enquanto dure!

    Curtir

  8. Luciano Dalcorso

    Agora que levou um pé e foi trocada faz graça… Típico

    Curtir

  9. Anaildo Soares

    Fátima Bernardes, diz hoje que casamento é uma prisão, mas ela deveria ter visto isto quando se casou pela primeira vez com um engenheiro e o deixou para casar com William Bonner, já que os mesmo se conheceram na Globo e ficaram mais íntimo quando começaram a fazer plantões juntos na emissora. Com certeza há várias forma de ver o casamento e uma delas é tê-lo como “cativeiro” mesmo, porém o que acabou o casamento deles, depois de 26 anos juntos, não foi avaliação de que casamento é uma prisão e sim, ao meu ver, dinheiro, já que a Fátima ganha por mês R$ 11,5 milhões e William Bonner ganha R$ 2 milhões mensais, daí o mesmo se considera “pobre”, em comparação à mulher. A verdade é que dinheiro vem sendo o 2º maior motivo de separação no mundo, principalmente aqui no Brasil onde as mulheres vem a cada dia ficando superioras no mercado de trabalho em vários aspecto em relação aos homens.

    Curtir

  10. Anaildo Soares

    Fátima Bernardes, diz hoje que casamento é uma prisão, mas ela deveria ter visto isto quando se casou pela primeira vez com um engenheiro e o deixou para casar com William Bonner, já que os mesmos se conheceram na Globo e ficaram mais íntimo quando começaram a fazer plantões juntos na emissora. Com certeza há várias formas de ver o casamento e uma delas é tê-lo como “cativeiro” mesmo, porém o que acabou o casamento deles, depois de 26 anos juntos, não foi avaliação de que casamento é uma prisão e sim, ao meu ver, dinheiro, já que a Fátima ganha por mês R$ 11,5 milhões e William Bonner ganha R$ 2 milhões mensais, daí o mesmo se considera “pobre”, em comparação à mulher. A verdade é que dinheiro vem sendo o 2º maior motivo de separação no mundo, principalmente aqui no Brasil onde as mulheres vêm a cada dia ficando superioras no mercado de trabalho em vários aspectos em relação aos homens.

    Curtir