Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Fãs se despedem de James Gandolfini em Nova York

Missa aberta ao público acontece na manhã desta quinta-feira na Cathedral Church of Saint John the Divine. Na quarta-feira, houve um velório privado

Após o velório privado de James Gandolfini, realizado nesta quarta-feira em Nova Jersey, os fãs se despedem do ator nesta quinta-feira, em missa aberta ao público na Cathedral Church of Saint John the Divine, em Nova York. Gandolfini, de 51 anos, morreu inesperadamente no último dia 19 de ataque cardíaco.

Apenas familiares e amigos participaram da cerimônia de quarta. Segundo o site da revista People, a viúva do ator, Deborah Lin, foi a primeira a chegar ao local, carregando a filha de 8 meses do casal, Liliana. “É um pesadelo para toda a família. É uma coisa horrível, todo mundo está desolado”, disse Bob Price, marido de uma prima de Gandolfini, ao jornal nova-iorquino Daily News. “Esse homem era o herói de todos nós. Foi a pior coisa que poderia ter acontecido.”

Leia também:

Famosos homenageiam James Gandolfini no Twitter

Os teatros da Broadway, em Nova York, também prestaram homenagem a Gandolfini na noite de quarta, diminuindo suas luzes. Gandolfini, que ganhou três prêmios Emmy por sua interpretação do chefão da máfia Tony Soprano na série da HBO Família Soprano, foi indicado a um prêmio Tony, o Oscar do teatro, em 2009, por seu papel em God of Carnage. Recentemente, ele atuou em filmes como A Hora Mais Escura (2012) e O Homem da Máfia (2012).

Gandolfini morreu de ataque cardíaco, durante uma viagem a Roma. Ele estava acompanhado somente de seu filho de 13 anos. O ator estava na Itália porque participaria do Festival de Cinema de Taormina, na Sicília. Seu corpo foi transportado para os Estados Unidos no domingo.