Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

‘Eu era uma criança escrava’, diz ex-ator mirim de ‘Os Goonies’

Corey Feldman afirmou que tenta manter seu filho, de 12 anos, longe dos holofotes por causa do que ele mesmo passou durante a infância

Ator conhecido por trabalhos em filmes como Os Goonies (1985) e Os Garotos Perdidos (1987) quando era criança, o americano Corey Feldman falou sobre esse período da sua vida ao site da revista People. “Eu era basicamente uma criança escrava. Comecei a trabalhar aos 3 anos de idade, e não por escolha minha.”

LEIA TAMBÉM:
Ex-ator mirim sobre pedofilia em Hollywood: ‘Fui molestado por várias pessoas’

O ator Corey Feldman, segura uma jaqueta com o nome do filme 'The Goonies', do diretor Steven Speilberg, do qual ele participou, em 1985

O ator Corey Feldman, segura uma jaqueta com o nome do filme ‘The Goonies’, do diretor Steven Speilberg, do qual ele participou (Epics/Getty Images)

Feldman passou por problemas em casa e, quando tinha 15 anos, acusou seus pais de terem roubado quase 1 milhão de dólares dele. Em 2013, ele revelou em seu livro de memórias, Coreyography, que sua mãe demonstrava comportamento abusivo e dado a ele pílulas para emagrecer quando ele era criança.

No mesmo livro, ele revelou que ele e seu melhor amigo, o também ator mirim Corey Haim, haviam sofrido abuso sexual na infância por figurões de Hollywood. “Fui abusado sexualmente por causa disso e ainda preciso lidar com essa questão”, disse ele à People sobre ter entrado na carreira ainda criança. “Foi uma estrada muito complicada a minha.”

Por isso, Feldman tenta manter seu filho, Zen, de 12 anos, longe dos holofotes. “Eu o mantenho de fora desse mundo. Ele não sabe muito sobre o que passei. Tenho que me manter como uma influência positiva sobre ele e preciso me manter forte por ele. Não importa quão maldosas e horríveis as pessoas possam ser, não posso deixar isso me afetar.”