Empresa pede ‘sinceras desculpas’ por troca de envelopes no Oscar

A PwC, que supervisiona a votação do Oscar, diz ser responsável por confusão que levou ao anúncio de “La La Land” como melhor filme por engano

A empresa que supervisiona a votação do Oscar pediu “sinceras desculpas” nesta segunda-feira” e se responsabilizou pela confusão que levou o filme La La Land – Cantando Estações a ser anunciado por engano como melhor filme. O verdadeiro vencedor foi Moonlight: Sob a Luz do Luar, o grande premiado após a gafe histórica que gerou enorme constrangimento durante a cerimônia.

“Pedimos sinceras desculpas a Moonlight, La La Land, Warren Beatty, Faye Dunaway e ao público do Oscar pelo erro durante o anúncio de Melhor Filme”, afirmou a empresa PricewaterhouseCoopers (PwC) em comunicado publicado no Twitter. “Por engano, os apresentadores receberam o envelope da categoria errada o que, assim que descoberto, foi imediatamente corrigido.”

La La Land – Cantando Estações havia sido anunciado pelos apresentadores Warren Beatty e Faye Dunaway como o vencedor da estatueta – os produtores do filme de Damien Chazelle já estavam no palco, discursando e agradecendo, quando um deles afirmou que havia acontecido um engano: Moonlight era o vencedor. Os produtores de La La Land foram rápidos e, simpáticos, cederam o microfone aos colegas de Moonlight, afirmando que estavam “muito felizes” de estarem entregando o prêmio a eles. Na plateia, o constrangimento e a incredulidade eram gerais. Barry Jenkins, diretor de Moonlight, segurava a estatueta do Oscar e afirmava que mal sabia o que dizer.

Segundo a PricewaterhouseCoopers, empresa de auditoria que supervisiona a votação e contagem dos votos há 83 anos, o equívoco está sendo investigado. A empresa diz que “lamenta profundamente” a confusão e que agradece “a graça” com que os indicados, a Academia, a ABC e Jimmy Kimmel lidaram com a situação.

Premiação por engano

 

Quando Warren Beatty voltou ao microfone para explicar que estava com o envelope errado, contou que em seu envelope estava escrito “Emma Stone, La La Land”. “Por isso que dei uma olhada tão demorada a Faye. Eu não estava tentando ser engraçado”, afirmou.

A investigação da PwC, uma das empresas de auditoria mais respeitadas do globo, deve se concentrar em uma medida que pretende tornar o sistema de entrega dos envelopes à prova de erros: há envelopes duplicados com o resultado dos vencedores, que ficam com dois funcionários da empresa, posicionados um em cada lado do palco, nas coxias. Eles são entregues aos apresentadores e também servem para conferir os resultados depois do anúncio, no caso de algo dar errado. A questão é como o envelope que acabava de ser entregue a Emma Stone, que ganhou a estatueta de melhor atriz, foi dado a Beatty.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Ataíde Jorge de Oliveira

    *ººº E ººº*
    A Piada_é :
    ººº ‘O’_PAï$$_da_P I A D A.100_gRAÇa ººº

    Curtir

  2. joão botelho

    Pois é, Ataide, faltou om p_ _ ra e car_lho pra ficar mais engraçado, né memu?

    Curtir

  3. persianasflaci.blogspot.com

    Faz me rir …

    Curtir

  4. E o melhor filme é……………………………Land Roover!

    Curtir

  5. Essa auditoria chamada PwC não é a mesma que durante anos aprovou os balanços da Petrobras e nunca viu nada de errado????

    Curtir