Emparedado, Daniel transforma ‘BBB16’ em muro das lamentações

Empresário chorou o dia inteiro depois que foi desmascarado por Munik e Laércio em uma combinação de votos para a formação do primeiro paredão

Emparedado junto com Harumi, o empresário Daniel transformou o Big Brother Brasil 16 em uma novela na tarde desta segunda-feira, com direito a intrigas, discussões, (muito) choro e, talvez, arrependimento. Tudo começou quando Munik conversou com Laércio sobre a formação do paredão e disse ao designer de tatuagens que Daniel havia contado que tinha sido influenciado por ele para votar em Adélia. Laércio, revoltado, negou que estava por trás da combinação de votos e resolveu tirar a história a limpo com o empresário.

Leia também:

Mulheres se unem contra homens no ‘BBB16’ – e redes sociais vibram

Seis livros para você derrotar os eruditos que odeiam o ‘Big Brother’

Cacau e Matheus formam o primeiro casal do ‘BBB16’

‘BBB16’ e as pérolas da primeira semana

“Em que lugar e em que hora eu fui falar com você para tentar te convencer a votar na Adélia?”, perguntou ele. “Quando estava na cozinha. Eu, você e Ronan…”, explicou Daniel. Laércio respondeu na hora que jamais faria isso e foi embora, deixando o empresário sozinho. Depois, ele voltou a procurar o designer de tatuagens e admitiu que Laércio não havia influenciado sua decisão. Ao explicar, começou a chorar. “Lá fora, você vai ver que sou um cara do bem. Você vai ver que o abraço que te dei foi sincero. Quando isso tudo acabar, você vai ver a pessoa que sou”, disse.

Após a conversa, os dois chegaram à conclusão de que estavam sendo manipulados por Ronan, o estudante de filosofia que começou o programa como um forte candidato a favorito e, em menos de uma semana, se mostrou um jogador nato. Daniel concordou que Ronan falou sobre o voto em Adélia (“Mas eu errei ao me deixar influenciar”, disse) e Laércio garantiu que, a partir de agora, vai jogar sozinho, sem combinar votos com ninguém.

No fim, Daniel ainda verteu algumas lágrimas com Adélia. O empresário foi explicar toda a situação e pedir desculpas, já que os dois são amigos. “Quando você erra, você perde sua essência. Por alguns segundos aqui, eu perdi a minha essência”, disse ele. A advogada, sempre para cima, respondeu: “Você perdeu, mas já recuperou”.

(Da redação)