Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Conheça as melhores docerias de Porto Alegre

Confira os endereços da categoria que valem a visita; mais dois lugares para devorar bons salgados

O roteiro a seguir, com 23 estabelecimentos, integra a edição digital de VEJA COMER & BEBER PORTO ALEGRE 2017/2018:

 

Chocólatras Anônimos – Eleita pelo júri melhor doceria de Porto Alegre

Em 2003, a carioca Sony de Barros Monteiro decidiu retomar, em Porto Alegre, a marca de doces que havia fundado em sua cidade natal doze anos antes. Surgiu, assim, o primeiro endereço da Chocólatras Anônimos na capital gaúcha. Tratava-se de uma pequena fábrica que recebia a clientela sem muita estrutura. A loja propriamente dita veio só em 2012, numa casinha de porta vermelha montada por Sony em parceria com seu filho, o fotógrafo Pedro Monteiro Sevante, na Rua Dinarte Ribeiro. A clientela fanática por chocolate passou a encontrar ali perdições como o chococookie (R$ 13,00), uma base de brownie coberta por musse de chocolate branco com pedaços de cookie. Para dar ainda mais água na boca, a calda é colocada só na hora de servir. Hoje com outras oito unidades (a mais recente foi inaugurada em julho, no shopping Paseo Zona Sul), a rede oferece de chocolate quente (R$ 10,00) a sorvetes (R$ 14,00 a bola com calda) e cheesecakes (R$ 13,00), que podem levar o ingrediente em sua composição. As campeãs de pedidos são as tortinhas tricolor (R$ 13,00), de trufa branca e ao leite mais musse meio amarga, e a chocotrufa (R$ 13,00), de cookie com camadas de musse e trufa. Mais simples e menos calórico, o brigadeiro belga (R$ 4,00) é boa sugestão para acompanhar a xícara de expresso (R$ 4,50), feito com grãos do Café do Mercado.

Rua Dinarte Ribeiro, 155, Moinhos de Vento, (51)3092- 0155 (15 lugares). 10h/22h30 (dom. até 21h). Mais oito endereços. Aberto em 2012.

2º Lugar – Diego Andino Pâtisserie

A loja foi remodelada e ganhou vitrines diferentes para os doces, as tortas e os salgados. Todas são abastecidas com as produções do chef Diego Andino, conhecido pela finalização cuidadosa dos itens. O mil-folhas pode ser preenchido por ganache de chocolate, limão-siciliano ou creme (R$ 6,90 o míni e R$ 16,90 o grande). Novidade, a sobremesa royal combina biscuit, creme de confeiteiro, massa folhada, geleia artesanal de framboesa e morango orgânico (R$ 16,90). O cardápio de salgados inclui a tartine de salmão defumado, cebola-roxa e bechamel (R$ 25,00).

Rua Artur Rocha, 795, Mont Serrat, (51) 3264-4198 e 99621-1674 (50 lugares). 10h/19h30 (sáb. a partir das 9h; fecha dom.). Aberto em 2004.

 

3º Lugar – El Churrero

Prestes a completar três anos, a casa aumentou o cardápio e passou a incluir o vulcano, um copo de 600 mililitros preenchido por churros tradicionais mergulhados em sorvete de creme com cobertura de doce de leite (R$ 16,00). Avulsos, os churros custam R$ 8,00 ou R$ 10,00 (com cobertura). Podem vir na massa tradicional ou na dark, que lembra um brownie.  Goiabada, avelã com cacau, baunilha e doce de leite são alguns dos recheios mais pedidos. Alternativa salgada, as empanadas de frango e de espinafre repousam nas vitrines (R$ 8,00 cada uma).

Rua Bento Figueiredo, 26, Bom Fim, (51)98298-4266 (20 lugares). 13h/20h (qui. até 21h; dom. e feriados 14h/19h; fecha seg.). Aberto em 2014.

 

Berola

Quindins, bem-casados, fios de ovos, ninhos, camafeus e outros docinhos figuram no balcão vastamente abastecido. Qualquer unidade custa R$ 5,00. Franquia da tradicional confeitaria pelotense, a casa não se restringe aos afamados doces finos de origem portuguesa. Na ala da cafeteria, é possível pedir quiche de alho-poró (R$ 10,90) e o café hipólito da costa, feito com leite gelado, duas bolas de sorvete, expresso, chantili e bolacha triturada (R$ 16,40).

Shopping Paseo Zona Sul, (51)3019-3999 (25 lugares). 10h/22h (dom. 14h/20h). Aberto em 2016.

 

Casa de Pelotas

O espaço aconchegante é um misto de doceria, bar e cafeteria. Ali, há quitutes tradicionais da cidade de Pelotas, caso do rei alberto (R$ 5,90), feito de gelatina, musse de morango, creme de ovos, abacaxi, ameixa e merengue. Entre as bebidas, o chocolate quente com avelã (R$ 16,00) ou o café com pimenta (R$ 8,50) são boas pedidas para os dias de temperatura mais baixa.

Rua da República, 421, Cidade Baixa, (51) 3307-4760 (41 lugares). 12h/23h (sex. e sáb. até 0h; dom. 13h/20h; fecha seg.). Aberto em 2014.

 

Charlie Brownie Coffeeshop

O nome é uma referência ao protagonista do desenho animado Peanuts e também ao apelido do proprietário, Tiago Schmitz. Os brownies surgiram de uma receita de bolo de chocolate da avó de Tiago e são o sucesso da casa: aparecem nas versões tradicional (R$ 5,00) e coberta por marshmallow e calda de frutas vermelhas ou chocolate amargo (R$ 12,00). Para acompanhar, o café (R$ 5,00) ou o mocaccino, com leite vaporizado, expresso e chocolate derretido (R$ 12,00), são pedidas certeiras.

Avenida Mariland, 1270, Mont Serrat, (51) 3391-3901 (36 lugares). 11h/19h (seg. a partir das 14h; fecha dom.). Aberto em 2015.

 

Confeitaria Barcelona

No inverno, faz sucesso nessa confeitaria o churro, de massa fininha e crocante, que chega acompanhado de chocolate quente. Entre maio e setembro, a guloseima é servida às terças-feiras, a partir das 15h, e custa R$ 16,90. Aparecem ainda no cardápio da casa, sugestões como o pequeno salgado de massa folhada recheado de presunto e queijo e finalizado com uma camada de merengue, batizado de jesuíta (R$ 109,00 o quilo), e a bombinha recheada com creme de chocolate (R$ 93,50 o quilo).

Rua Henrique Dias, 94, Bom Fim, (51) 3311-1055 (25 lugares). 9h/19h30 (seg. a partir das 10h; fecha dom.) Aberto em 1979.

 

Confeitaria Max

Bombons e trufas misturam-se a merengues, rosquinhas, bolos e tortas nessa confeitaria, que chega aos sessenta anos em 2017. Da história iniciada pelo casal Max Andreas Eberhart e Eleonora Hess, restam receitas como a torta de maçã (R$ 27,90, oito fatias) e o bolo de laranja inteiro (R$ 23,90). Brigadeiros de coco, café, especiarias e castanhas complementam a linha de produção (R$ 137,00 o quilo).

Rua Carlos von Koseritz, 1583, Higienópolis, (51)3342-8915 (12 lugares). 9h/12h e 13h/18h (sáb. sem intervalo; fecha dom.). Rua Coronel Bordini, 129, Floresta, (51) 3343-2521 (16 lugares). 8h45/12h e 14h/18h30 (sáb. sem intervalo até 17h30; fecha dom.). Aberto em 1957.

 

Confeitaria Ninho Doce

Em funcionamento há 34 anos, esta casa tem um extenso cardápio de doces, com destaque para as tortas. A de chocolate com morango, que acomoda pão de ló de chocolate, cremes de brigadeiro e branquinho, pedaços da fruta e nozes, faz sucesso e custa R$ 65,00 o quilo. No tamanho pequeno, rende cerca de dez fatias e, no grande, trinta. Já a que leva o nome da casa é montada com pão de ló simples, nata, pêssego, abacaxi, figo e cereja e sai por R$ 75,00 o quilo. As bombas, de chocolate (R$ 10,00) e de creme (R$ 7,00), também são bastante procuradas pela clientela. No 2º andar do imóvel, há um restaurante, com capacidade para quarenta pessoas, que serve bufê de almoço de segunda a sábado.

Avenida Pernambuco, 2390, (51) 3222-7984 (16 lugares). 8h/18h (fecha dom.). Aberto em 1983.

 

Confeitaria Petites Délices

Nesta unidade — há mais duas na cidade —, há um agradável deque na parte da frente voltado para o Parcão. Na linha de doces, destaca-se o petit gâteau, preparado nas versões damasco, doce de leite e chocolate (puro, com menta e com laranja e toque de canela). A sobremesa sai de R$ 14,90 a R$ 15,90 com sorvete. Por R$ 30,00, é possível levar para casa a caixinha com seis. Entre as novidades, destaque para o sorvete vegano de frutas vermelhas (R$ 10,00 o pote de 80 mililitros). No rol dos salgados, a sugestão é o sanduíche do chef, montado em pão de aveia com pastrami, mussarela, tomate, rúcula e cream cheese (R$ 15,90).

Rua Comendador Caminha, 358, Moinhos de Vento, (51) 3264-4100 (80 lugares). 10h/19h. Mais dois endereços. Aberto em 2003.

 

Cuca Haus

A casa de sotaque alemão tem como estrela do cardápio a cuca. A especialidade figura em 21 sabores e entre os mais pedidos estão amora com leite condensado, doce de leite com banana, requeijão com goiabada e linguiça (R$ 17,00 cada um). O pão de cuca também serve de base para o sanduíche beckenbauer, que leva um hambúrguer feito com um mix de linguiças mais molhos curry e de gorgonzola, alface-americana, pepino em conserva e cebola-roxa (R$ 31,90). Para acompanhar a versão salgada, dá para pedir a cerveja Mahatma, uma red ale da cervejaria Zapata (R$ 32,00, 500 mililitros).

Rua São Luís, 1101, Santana, (51) 3217-3826 (130 lugares). 17h/0h (sáb. a partir das 15h; fecha dom. e seg.). Aberto em 2012.

 

Leckerhaus

Além das famosas tortas, o cardápio agora elenca sugestões salgadas. Nesse rol está o croque monsieur (R$ 30,00), um sanduíche clássico da cozinha francesa. Das pedidas tradicionais, o bolo de nozes walnustorte é recheado com leite condensado cozido e ovos moles (R$ 88,00 o quilo). Com castanhas e recheio de chocolate, o bolo casacor tem ovos moles e cobertura de marzipã (R$ 98,00 o quilo). Para acompanhar, há chás da marca alemã Tee Gschwendner (R$ 8,00).

Avenida Nilo Peçanha, 1700, loja 1, Boa Vista, (51) 3328-2446 (40 lugares). 10h/19h (fecha dom.). Aberto em 1991.

 

Lupita Cake Shop

O mexicano Mario Sangabriel e a brasileira Carolina Sangabriel se conheceram na Irlanda e voltaram para Porto Alegre com a intenção de abrir uma doceria. Eles oferecem receitas familiares aprendidas com Marcia Rebechi, mãe de Carolina. As tortas podem ser consumidas por lá (R$ 16,00 a fatia) ou encomendadas para viagem, em porção inteira. Entre os sabores, destacam-se o red velvet, com cream cheese, geleia de frutas vermelhas e creme de manteiga, e o black queen, com massa fudge, bem densa, geleia de amora e mirtilo, ganache de chocolate 50% cacau e cobertura de chocolate com cacau mais intenso.

Avenida Maryland, 898, Auxiliadora, (51) 3028-5007 (30 lugares). 10h/19h (sáb. 11h/20h; fecha dom.). Aberto em 2016.

 

Machry Armazém e Bistrô

Muitos atravessam a cidade rumo à Zona Sul só para provar a famosa torta de banana repaginada pela casa. Com base crocante de biscoito, recheio de doce de leite, cobertura de chantili e um toque de canela (R$ 12,50 a fatia simples), o doce ganhou mais leveza e pode vir combinado com sorvete e calda de caramelo feita no local (nesse caso, o preço sobe para R$ 18,90). Fique de olho: por volta das 13h, sai uma fornada do pão multigrãos de fermentação natural (R$ 10,90 a unidade).

Rua Doutor Armando Barbedo, 257, Tristeza, (51) 3024-1300 (90 lugares). 10h/19h (sáb. 9h30/19h30; dom. 11h/19h30). Aberto em 1988.

 

Madame Pâtisserie

O ex-Madame Antonieta mudou-se para uma loja maior, mas o clima intimista, com decoração charmosa e trilha sonora francesa, se manteve. Os delicados macarons de framboesa e chocolate branco colorem a vitrine (R$ 4,50 a unidade) e fazem bom par com o expresso (R$ 4,40). No balcão repousam outros clássicos franceses, como o opéra (R$ 12,50), doce à base de café, ganache e biscuit de amêndoa.

Rua Doutor Timóteo, 395, Floresta, (51) 3307-9683 (30 lugares). 12h/19h (fecha dom.). Aberto em 2010.

 

Maomé

A quarentona confeitaria em frente ao Parque da Redenção segue investindo em quitutes que lembram receitas de vó. A torta que leva o nome da casa sobrepõe discos de pão de ló de chocolate, brigadeiro, crocante de nozes e é coberta por minicupcakes e lascas de chocolate (R$ 68,20 o quilo). Entre os doces em calda, faz sucesso a ambrosia da casa, que custa R$ 48,40 o quilo. No cardápio de cafés, aparecem sugestões como o moccaccino, que reúne café, leite e chocolate (R$ 14,50) e, para petiscar, é boa pedida a porção de doze salgadinhos empanados, como coxinha de frango e croquete de carne, que sai por R$ 30,00 acompanhada de duas cervejas Bohemia long neck.

Avenida José Bonifácio, 655, Bom Fim, (51) 3332-4444 (70 lugares). 8h/20h. Aberto em 1977.

 

Nathalia Jahn Pâtisserie

A inspiração francesa aparece em todos os cantos do casarão: da decoração charmosa aos delicados docinhos, feitos sob a supervisão da chef Nathalia Jahn. A vitrine é colorida pelas 24 sugestões permanentes, como a sobremesa ropana, feita com cacau de diferentes intensidades, flor de sal e crocante de avelã (R$ 12,90). Por R$ 10,90, a exótica combina musse de baunilha, creme de chocolate 70% cacau e geleia de manga, maracujá e cajá. Todas as guloseimas podem vir na versão míni, a R$ 4,90 cada uma. Para acompanhar a comilança, há expresso (R$ 4,90) e soda italiana (R$ 7,90, 400 mililitros).

Rua General Vasco Alves, 371, Centro Histórico, (51) 3094-3535 (76 lugares). 13h/20h (fecha dom. e seg.) Aberto em 2014.

 

Pink Velvet Bakery

Panquecas, cupcakes, bolo red velvet, donuts e outros itens compõem o brunch servido aos sábados e domingos, das 10h30 às 14h (R$ 40,00 por pessoa). O donut é o carro-chefe e custa de R$ 7,00 a R$ 14,00, na versão mais incrementada. Receita da casa, a torta de maçã verde tem base crocante de bolacha, doce da fruta, creme de leite condensado e canela (R$ 12,00 a fatia).

Avenida Venâncio Aires, 757, Cidade Baixa, (51) 3062-2600 (45 lugares). 13h/19h30 (sáb. e dom. 10h30/14h e 15h30/20h). Aberto em 2014.

 

Presstisserie

O casarão funciona sob o comando da chef Mirella Tellini Aranha, responsável pelos doces dos cafés do Grupo Press. Inspirada em confeitarias europeias, ela elabora a massa folhada segundo a cartilha francesa tradicional. A técnica resulta num famoso mil-folhas que pode vir na versão de morango com nata (R$ 13,00). Assado e recheado com creme de baunilha, o sonho francês (R$ 7,70) tem incontáveis fãs e pode ser consumido na companhia de chá gelado cítrico (R$ 9,00, 250 mililitros), preparado com infusão de frutas vermelhas, limão e laranja.

Avenida Coronel Lucas de Oliveira, 1190, Bela Vista, (51) 3085-5888 e 99235-3924 (60 lugares). 10h/22h30 (sáb. a partir das 9h; dom. até 19h). Aberto em 2013.

 

Priscilla’s Fine Food NYC

A unidade do Bom Fim é conhecida pelo cardápio com itens típicos de brunch, como ovos benedict (R$ 38,00), waffle (R$ 19,00) e omelete (R$ 29,00). A pedida chamada pancake americana reúne quatro panquecas com frutas (R$ 29,00). Manteiga, mel, bacon mais frutas acompanham. O valor inclui uma mimosa (taça de espumante com suco de laranja) ou um latte. Nos dois endereços, as tortinhas de nozes (R$ 8,50) e maçã (R$ 12,00) figuram como favoritas.

Rua Mostardeiro, 120, 5ª Avenida Center, quiosque 71, Moinhos de Vento, (51) 3237-6452 (80 lugares). 9h/19h (fecha dom.). Rua Vasco da Gama, 514, Bom Fim, (51) 3013-6131 (56 lugares). 9h/19h (fecha seg.). Aberto em 2008.

 

Saint Chocolat Brigadeiro Gourmet

O tom de azul eternizado pela joalheria americana Tiffany & Co predomina na fachada e na decoração do salão. Nesta pequena e charmosa doceria, há 54 versões de brigadeiro preparadas com chocolate belga, como tradicional, cappuccino, gianduia, limão-siciliano, churro, paçoca, tapioca, entre outros. A unidade custa R$ 4,20. Além dos docinhos, vale provar o brownie com calda de brigadeiro e sorvete (R$ 17,00) ou o sorvete de creme com calda de brigadeiro, que é servido dentro de uma xícara alta (R$ 10,00 o pequeno).

Rua Dona Laura, 184, Rio Branco, (51) 3012-5900. (14 lugares). 9h30/18h (sáb. 13h30/17h30; fecha dom.). Aberto em 2013.

 

Sugar Box

Especializado em sobremesas com sabor caseiro, o estabelecimento das sócias Angela Caleffi de Miranda e Soneide Kreling Uber tem um extenso cardápio. Os doces podem ser encomendados, mas a loja conta também com opções para pronta entrega. A baba de moça na travessa, que rende de dez a quinze porções, sai por R$ 85,00. Na ala das tortas, a que reúne duas camadas de brownie, recheada com doce de leite e coberta com chocolate faz sucesso e é vendida por R$ 80,00 na versão pequena. Já as musses tradicionais, disponíveis nos sabores chocolate preto e branco e maracujá, em potinhos individuais de 140 mililitros, custam R$ 8,00 cada uma.

Avenida Lageado, 321, Petrópolis, (51) 3330-3161 e 3024-7858. 8h/12h30 e 14h/18h30 (sáb. 8h/17h; fecha dom.). Aberto em 1994.

 

Vanilla & Louro Gastronomia

Depois de uma temporada de aulas em escolas francesas de gastronomia e de comandar uma casa em Novo Hamburgo, a proprietária Vera Delecolle estreou um endereço em Porto Alegre. A loja tem como protagonistas os macarons (R$ 4,50 a unidade), feitos com farinha de amêndoas preparada lá mesmo, e outros doces clássicos da França, como o opéra (R$ 16,00). Na linha de salgados, a tortinha com recheio cremoso de bacon e alho-poró (R$ 15,00) é a favorita da clientela. Ajuda a refrescar o chá da casa (R$ 7,00), uma mistura com maçã, mel, canela e especiarias.

Rua Comendador Caminha, 294, Moinhos de Vento, (51) 3377-8649 (20 lugares). 9h/19h (fecha dom.). Aberto em 2017.

 

SALGADOS

 

Croasonho

Presente em dezesseis estados brasileiros, a rede investe em croissants recheados, servidos em três tamanhos: pequeno (12 centímetros), médio (15 centímetros) e grande (17 centímetros). O cardápio lista 42 versões, entre doces e salgados, a exemplo da que vem com filé-mignon aos cinco queijos (R$ 22,55 o grande), uma das receitas de maior sucesso nesta unidade gaúcha. Na seção açucarada, o croissant de chocolate com morango (R$ 20,35 o grande) continua ocupando o primeiro lugar no pódio. Para beber, tem chocolate quente cremoso com Nutella e chantili (R$ 9,75).

Rua General Iba Mesquita Ilha Moreira, 305, loja 201, Boa Vista, (51) 3072-5079 (24 lugares). 11h30/22h (dom. e feriados a partir das 16h). Mais oito endereços. Aberto em 2011.

 

Sabor de Luna

Mesinhas na calçada repousam sob um agradável jacarandá, onde os clientes se acomodam para provar a medialuna recheada com presunto e queijo (R$ 4,50) e sua versão doce, com calda de baunilha e açúcar demerara, pelo mesmo preço. Feita com fermentação natural, a baguete tradicional ou de grãos é muito procurada no fim da tarde. Da cafeteria, o milk-shake de alfajor traz doce de leite no fundo do copo e sorvete de creme batido com pedaços de biscoito (R$ 18,00, 300 mililitros).

Rua Doutor Freire Alemão, 328, Mont Serrat, (51) 3392-4244 (10 lugares). 9h/19h (fecha dom. e feriados).