Benicio Del Toro ganha prêmio em Cuba

O governo cubano decidiu conceder o primeiro prêmio Tomas Gutierrez Alea ao ator porto-riquenho Benicio Del Toro, de 42 anos. A cerimônia de premiação, celebrada na quinta-feira em Havana, teve a presença de Del Toro e de atores americanos como Robert Duvall, James Caan e Bill Murray, em um leve sinal de melhora nas relações entre Cuba e os Estados Unidos.

Batizado em homenagem ao cineasta cubano Alea, o prêmio reconheceu toda a carreira de Del Toro – e não apenas sua interpretação do guerrilheiro comunista “Che” Guevara nas telonas. O astro, que venceu o Oscar de ator coadjuvante em 2001, por Traffic, se disse “honrado” com prêmio cubano.

Votado pela União Nacional dos Escritores e Artistas de Cuba, Del Toro protagonizou o filme Che, de Steve Soderbergh. Dividido em duas partes, o longa de quatro horas e meia retrata a vida do argentino Ernesto “Che” Guevara, que ajudou Fidel Castro a tomar o poder em 1959. Che acabou se tornando um hit na ilha.