‘A Força do Querer’ faz sucesso na cadeia

Presidiários do Complexo de Bangu, onde está o traficante Rubinho da vida real, não perdem um capítulo da novela de Glória Perez

Conhecida no mundo do crime carioca como Bibi Perigosa ou ex-baronesa do pó, Fabiana Escobar vem desfrutando de uma fama que, ela não esconde, adora. Na trama global das 9, a personagem de Juliana Paes é inspirada em Bibi, que contou toda a sua trajetória no submundo do Rio de Janeiro, como esposa de um dos chefões do tráfico de drogas na favela da Rocinha, em um livro (sim, ela escreveu um). O ex-marido, Saulo de Sá Silva, o Pinga, está preso desde 2008 no Complexo de Bangu. E todo mundo pergunta a Bibi se a história da TV é mesmo como a dela.

“A cadeia inteira assiste, são todos noveleiros. Depois as mulheres dos presos, a mando dos maridos, me procuram no Facebook pedindo para contar o que vai acontecer no próximo capítulo “, diverte-se Bibi. Já Saulo não gosta que se fale da novela. Diz que não se interessa pela história. Mas que fique claro: a ex-primeira dama do crime da Rocinha nem de longe tem todas as respostas. A trama global não é completamente igual ao enredo da favela real.

Depois do capítulo de ontem (13), a Bibi da novela foi alçada aos assuntos mais comentados no Twitter. No episódio, a personagem de Juliana Paes decide ir até o chefe do tráfico do morro após saber que Rubinho sofrera ameaças de morte na cadeia. Nos próximos dias ela ficará cara a cara com Sabiá (Jonathan Azevedo), marginal que vai mexer os pauzinhos para garantir a segurança do comparsa na prisão. Tudo isso aconteceu de verdade, mas o Sabiá da vida real se chamava Erismar Rodrigues Moreira, o Bem-Te-Vi, traficante da Rocinha morto em confronto com policiais em 2005.

“Quando o Saulo foi preso, rodei morro atrás de morro até encontrar o Bem-Te-Vi. Ele me dava 250 reais por semana, que eu entregava para meu ex-marido na cadeia nos dias de visita. O dinheiro era para ele ter uma vida mais confortável lá dentro”, lembra Fabiana-Bibi.

A tirar pelos fatos reais da vida do casal Bibi e Saulo, o espectador pode esperar muito mais ação. Rubinho ainda vai fugir da prisão e será preso novamente em um apartamento de luxo — tudo ao lado da personagem de Juliana Paes, que se tornará uma bandida perigosa. Diz Bibi, que hoje se define “regenerada”: “O que vi até agora aconteceu mesmo, menos o romance dela com o Caio (Rodrigo Lombardi). Os Caios que conheci foram meio tortos, quem dera ter um Rodrigo Lombardi na minha vida.”

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Márcia Vasconcelos

    Meu povo aprendam a compreender as coisas, isso ai é uma novela. A autora esta apenas colocando fatos reais que podem ter oorrido. Agora as pessoas tomarem isso como exemplo é gente de mente pequena, que não possui mente critica. Parem de falar besteira e pensar q a mulher ta incentivando o crime, porque não é. Ela ta fazendo apenas o trabalho dela, como tantos outros que ja fez anteriormente, como: assuntos como a droga no Clone, a prostituicao em Salve Jorge e outros. Se fosse pra presidiario nao vee novela, nem drogado e nem prostituta era pra assistir novela entao.

    Curtir

  2. Eliane Do Prado

    Essa novela é muito ruim. Maria Fernanda Cândido mãe do Fiuk e da outra moça que não lembro o nome? Nem na ficção é convincente. Fiuk fazendo par romântico com Isis? Nada convincente. A Isis é atriz de um papel só a gostosinha descabeçada e ainda assim não está bem água com açúcar no papel.

    Curtir

  3. Ailton Araújo

    A revista Veja antes era mais agradável de se ler. Agora mudaram o editor e transformaram numa nova Carta Capital. Virou um grande esgoto esquerdista.

    Curtir

  4. quem não perde um capítulo é a senadora Gleisi ela quer saber de tudo pra está preparada pra quando chegar na cadeia.

    Curtir

  5. Como trapacear o tempo dentro de um presídio?

    Curtir