Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

7 verdades sobre “Peter Pan”

Clássico infanto-juvenil, o personagem povoa a imaginação até mesmo de adultos que se identificam com a história do menino que não queria crescer

Peter Pan, do escritor J. M. Barrie, é considerado um clássico da literatura, do cinema e do teatro musical. Milhares de crianças, de diversas gerações, cresceram ouvindo, lendo e assistindo à história de um menino que se vestia de verde, podia voar e que nunca deixou de ser criança.

Uma adaptação brasileira da história ganhou neste ano uma curta temporada musical no Teatro Bradesco, tanto em São Paulo quanto no Rio de Janeiro. E uma montagem da versão da Broadway está em produção: as inscrições para as audições dela estão abertas até 18 de julho.

Mas e a trama original? Escrita há mais de cem anos e fruto de várias modificações, ela guarda algumas curiosidades que nem todo mundo sabe. Separamos aqui 7 coisas que você provavelmente não conhece.

1) Mutante ou pó mágico?

Na primeira versão publicada como parte de uma série de contos, Peter voava sem o auxílio do desejado pó encantado das fadas. Tal artifício só foi acrescentado na história pelo autor após diversos relatos de crianças se machucarem ao tentarem realizar as mesmas proezas do personagem.

Cena da primeira adaptação da Broadway em 1954 onde Peter (Mary Martin) mostra as crianças Darling ele pode voar (Photographer-Rothschild, Los Angeles/Wikimedia Commons)

2) Capitão Gancho

Confirmado pelo autor, o temido vilão de Peter Pan foi inspirado no Capitão Ahab de “Moby Dick – A Baleia Branca”. Além disso, Gancho teria sido aprendiz do temido e lendário Barba Negra, e a única pessoa que o Capitão Long John Silver (personagem da obra “A Ilha do Tesouro” de Robert L. Stevenson) temia de verdade. Isso que é crossover, hein?

Montagem mostra a capa do livro “Moby Dick” e uma ilustração do livro “A Ilha do Tesouro” (Reprodução/Wikimedia Commons)

3) Criança para sempre

Uma das biografias do J.M. Barrie garante que o personagem de Peter foi inspirado no irmão mais velho do autor. Chamado David Barrie, ele morreu dias antes do seu aniversário de 14 anos enquanto brincava de deslizar no gelo. Para ele e sua mãe, o irmão foi a “primeira criança que nunca cresceu”.

4) Sininho em forma humana

A fada mais famosa dos contos não tinha forma. Barrie descrevia Sininho como um espírito de luz, sem forma e sem face. A mudança para uma criatura humanizada se deu a pedido de Walt Disney para a versão animada lançada em 1953.

(Walt Disney Pictures/Reprodução)

5) Não vamos crescer (ou quase isso)

Nas primeiras versões do conto, os meninos perdidos acreditavam que ficando na Terra do Nunca não envelheceriam, como Peter havia prometido. Mas, isso se mostrava uma mentira quando Slightly, o mais velho entre os perdidos, começa a envelhecer mesmo assim. O lugar até atrasava um pouco o processo, mas somente o protagonista tinha o dom de ser criança para sempre.

(Walt Disney Pictures/Reprodução)

6) Peter já foi vilão!

E se nosso herói fosse na verdade um vilão? Na primeira versão da história, Capitão Gancho não existia e Pan era retratado como um garoto que raptava as crianças por não ter com quem brincar. Quando cresciam, ele as jogava no mar. Tempos depois, Barrie mudou o roteiro por achar sombrio demais. Há uma teoria entre os fãs, nunca confirmada pelo autor, que os piratas na verdade seriam as crianças sobreviventes.

(Walt Disney Picutres/Reprodução)

7) Wendy é a verdadeira heroína!

Apesar do livro ser chamado “Peter Pan”, Wendy é na verdade a grande heroína, já percebeu? Com sua inteligência e doçura, ela convence Peter que precisava crescer e que os meninos perdidos também. No fim da aventura, Wendy leva todos consigo para Londres, onde são adotados pela Família Darlin, os pais de Wendy. Apesar de convidado, Peter não permanece com eles e voa embora.

(Walt Disney Pictures/Reprodução)

SERVIÇO

Peter Pan – O Musical

Preço: R$25.00 a R$150.00
Até 6 de agosto de 2017
Sábado às 15h00 | Domingo às 16h

Teatro Bradesco
Bourbon Shopping São Paulo, 3° piso
Rua Turiassú, 2100
Telefone (11) 3670-4100


Bônus

Desafio 360º no Facebook de VEJA. Clique e interaja com a foto.