10 artistas brasileiros que conquistaram sucesso no exterior

Entre Carmem Miranda e Anitta, conheça alguns famosos que conseguiram alavancar a carreira internacional

O noticiário de celebridades tem sido dominado por Anitta e sua nova empreitada: tentar emplacar uma carreira internacional. A intérprete de Bang já fez parcerias com os colombianos Maluma e J balvin e com a rapper australiana Iggy Azalea, lançou a música em espanhol Paradinha, participou do novo EP do trio de Djs Major Lazer e chegou até a ser comparada com Beyoncé por uma revista mexicana.

Mas a cantora não é a primeira brasileira a tentar emplacar uma carreira internacional. Diversos artistas e bandas conseguiram fazer sucesso em outros países, levando um pouquinho da cultura tupiniquim para o resto do mundo. Relembre:

1. Carmem Miranda

Carmen Miranda

A cantora e atriz Carmen Miranda em 1945 (Hulton Archive/Getty Images)

Apesar de ter nascido em Portugal, Carmen Miranda foi trazida para o Brasil com menos de 1 ano de idade. Depois de explodir com a música O Que É Que a Baiana Tem?, composta por Dorival Caymmi, a atriz e cantora chegou a ser considerada a mulher mais bem paga dos Estados Unidos, onde fez até uma apresentação para o presidente Franklin Roosevelt na Casa Branca. Usando roupas típicas da Bahia, que a transformaram em um ícone da mulher latina, Carmen ficou conhecida como a Brazilian Bombshell, que pode ser traduzido, livremente, como a “bomba brasileira”.

2. Sérgio Mendes

Show do cantor Sérgio Mendes no 6º dia de Rock in Rio, no palco Sunset, na Cidade do Rock, em Jacarepaguá, na zona oeste da capital fluminense, neste sábado (26)

Cantor Sérgio Mendes (Ricardo Matsukawa/VEJA.com)

Nascido em Niterói, Sérgio Mendes tomou gosto pelo jazz no fim da década de 50 e lançou o seu primeiro álbum em 1961, Dance Moderno.  No ano seguinte, já estava viajando pelos Estados Unidos e pela Europa e apresentou-se no famoso Carnegie Hall em Nova York, em um festival de Bossa Nova. Sérgio é conhecido como um dos artistas brasileiros de maior sucesso no exterior e já fez duas apresentações na Casa Branca, para os presidentes Lyndon B. Johnson e Richard Nixon, além de já ter ganhado um Grammy — maior prêmio da indústria fonográfica americana.

3. Sônia Braga

Sônia Braga na novela 'Dancin Days', da Rede Globo de 1979

Sônia Braga na novela ‘Dancin Days’, da Rede Globo de 1979 (Joel Maia/VEJA)

A atriz, que voltou aos holofotes com o filme Aquarius no ano passado, já possui uma carreira em Hollywood há décadas. Sônia ficou conhecida mundialmente pelo filme O Beijo da Mulher Aranha (1985), que chegou a ser indicado a quatro Oscars. Depois disso, trabalhou em grandes produções, como Luar sobre Parador (1988) e The Rookie (1990), com Clint Eastwood, além participar de séries como Sex and the City. Em 2017, a atriz ainda poderá ser vista no filme Extraordinário, com Julia Roberts e Owen Wilson.

4. Alice Braga

Atriz Alice Braga, dá autógrafos na pré-estreia de 'Elysium' em Los Angeles

Atriz Alice Braga, dá autógrafos na pré-estreia de ‘Elysium’ em Los Angeles (Eric Charbonneau/SPE, Inc/VEJA)

A sobrinha de Sônia Braga seguiu os passos internacionais da tia. Alice já participou de grandes filmes americanos, como Eu Sou a Lenda (2007), com Will Smith, Predadores (2010) e Elysium (2013). Recentemente, a atriz ainda atuou em A Cabana, adaptação do livro de mesmo nome que vendeu mais de 10 milhões de cópias só nos Estados Unidos. Alice também é protagonista da série Queen of The South, sobre uma chefe de um grande cartel de drogas, produzido pela emissora americana USA Network.

5. Rodrigo Santoro

Rodrigo Santoro: novo filme em Hollywood

Rodrigo Santoro começou com aparições humildes em Hollywood. Em 2003, o ator fez uma pequena participação em As Panteras Detonando e no mesmo ano, teve um papel um pouco maior em Simplesmente Amor. Um personagem marcante em sua carreira foi o do imperador Xerxes nos dois filmes de 300, que abriram portas para produções maiores, como o papel de Jesus na regravação de Ben-Hur, lançada no ano passado.

6. Wagner Moura

'Narcos': só os chatos invocam com o sotaque de Wagner Moura

Wagner Moura já tinha participado de algumas produções internacionais, como Elysium, mas o seu grande estouro veio com a série original da Netflix Narcos, em que interpretava o lendário chefe do tráfico de drogas colombiano Pablo Escobar.

7. Morena Baccarin

A brasileira Morena Baccarin

A brasileira Morena Baccarin (Imeh Akpanudosen/AFP/AFP)

Apesar de não ser muito famosa no Brasil, Morena já possui um grande currículo nos Estados Unidos. A atriz começou atuando no filme americano Perfume (2001), mas ganhou maior reconhecimento a partir de 2002 com a série de ficção científica Firefly. Depois disso, a carioca participou de séries como The O.C., Homeland, The Mentalist, Flash, Homeland e Gotham. A atriz ainda foi o par romântico do protagonista no filme Deadpool (2016) e estará na continuação da produção, que tem previsão de estreia para o ano que vem.

8. Cansei de Ser Sexy (CSS)

A banda paulista Cansei de Sex Sexy (400)

A banda paulista Cansei de Sex Sexy (400) (Divulgação/VEJA)

A banda Cansei de Ser Sexy, ou CSS, para facilitar a leitura em outros idiomas, foi formada em 2003 e rapidamente ficou conhecida pelo mundo. Eles tiveram suas músicas incluídas em jogos como The Sims 2, FIFA 09 e até na trilha sonora do programa de TV The Simple Life, de Paris Hilton. A banda passou a participar de festivais em diversos países e sua música Music Is My Hot Hot Sex fez parte de uma campanha da Apple, chegando ao 36° lugar da parada Hot 100 da Billboard, a lista das músicas mais populares nos Estados Unidos.

9. Max Cavalera

Max Cavalera

Max Cavalera (Adriano Vizoni/Folhapress)

O músico começou a fazer sucesso junto com o seu irmão, Iggor Cavalera, na banda de heavy metal Sepultura. Em 1998, fundou a banda Soufly no Arizona. Max já trabalhou com grandes nomes da música, como Tom Araya (da banda Slayer) e Jello Biafra (ex-vocalista do Dead Kennedys). 

10. Viper

A banda Viper abriu a noite de shows na Arena Anhembi

A banda Viper abriu a noite de shows na Arena Anhembi (Heitor Feitosa/VEJA/VEJA)

Mais um nome do mundo do metal, a banda Viper conseguiu grande reconhecimento fora do Brasil. Além de ser responsável por lançar o cantor André Matos, a banda obteve um sucesso surpreendente no Japão, onde vendeu o mesmo que bandas como Nirvana e Van Halen. A Viper ainda gravou um álbum ao vivo durante a sua turnê no país oriental, chamado de Maniacs in Japan em 1992.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Uma lista dessa sem Tom Jobim e João Gilberto não fecha.

    Curtir