OCDE: China lidera ranking mundial de avaliação do ensino

Nos últimos anos, o governo chinês tem intensificado os investimentos em educação. E os efeitos da medida já se fazem sentir no país. A China ficou em primeiro lugar no levantamento (confira o ranking abaixo) do Programa Internacional de Avaliação de Alunos (Pisa, na sigla em inglês) divulgado nesta terça-feira pela Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE). O estudo, produzido a cada três anos, faz um raio-x da situação da educação no mundo e organiza uma lista com 65 países, entre membros e parceiros da organização.

Brasil: Desempenho dos estudantes do país está bem abaixo do ideal

Icon-noticias Confira também: Infográfico: Os números do Pisa

A China atingiu as maiores pontuações em todas as áreas avaliadas pela OCDE: leitura, matemática e ciência – e é ainda o país com maior número de alunos classificados como nível 5 e 6, as maiores notas que podem ser atribuídas no relatório. Os índices chineses para leitura, matemática e ciência são de 556, 600 e 575 pontos, respectivamente. As médias da OCDE para essas áreas são: 492, 496 e 501.

O segundo país mais bem avaliado pela OCDE foi Hong Kong, com 546 pontos. A Finlândia, país europeu com a melhor pontuação, vem logo em seguida, com 543. Cingapura está na quarta colocação, também com 543 pontos e a Coreia do Sul, em quinto, com 541.

Confira, na íntegra, o ranking geral do Programa Internacional de Avaliação de Alunos:

Fonte: Pisa

Fonte: Pisa (VEJA)