Aumenta o número de alunos em escolas particulares

Censo Escolar mostra que rede privada já concentra 18,3% das matrículas. Em 2008, o percentual era de 13,3%. Brasil tem, ao todo, 49,8 milhões de estudantes

O número de estudantes matriculados em escolas particulares aumentou, de acordo com dados do Censo Escolar da Educação Básica de 2014, divulgado nesta semana pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). A rede privada concentra atualmente 18,3% das matrículas, com 9.090.781 de alunos.

Em 2008, as escolas particulares tinham participação de 13,3% das matrículas. Em seis anos, a rede aumentou gradativamente sua participação, tendo atingido 16,5% em 2012. As matrículas contemplam alunos registrados em creches, pré-escolas, escolas de ensino fundamental e médio.

Ao todo, o Brasil registrou 49,8 milhões de alunos matriculados em instituições de ensino básico e educação infantil. O número total tem caído ao longo dos anos: em 2008, eram 53,2 milhões, e, em 2013, chegou a 50 milhões. A redução é uma tendência que já vinha sendo esperada por analistas da área e acontece em decorrência da queda na taxa de natalidade no país.

Leia também:

Educação básica perde participação nos gastos totais do MEC

Baixa escolaridade triplica chance de desemprego, diz OCDE

O ensino fundamental é a maior etapa de toda educação básica e abriga 28 milhões de alunos. Destes, 15,7 milhões cursam os anos iniciais e 12,8 milhões os anos finais. No ensino médio, o número de matrículas permaneceu estável no decorrer dos anos, afirmou o Ministério da Educação. A frequência dessa etapa é de 8,3 milhões de alunos, 95,9% desse total em áreas urbanas.

número de matrículas em 2014

número de matrículas em 2014 (VEJA)