Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Wall Street fecha em baixa devido a balanços e dívida dos EUA

A Bolsa de Nova York fechou em baixa nesta terça-feira, afetada por uma série de decepções sobre resultados trimestrais de empresas e pelo persistente bloqueio em relação às negociações sobre a dívida americana: o Dow Jones perdeu 0,73% e o termômetro da tecnologia, Nasdaq, caiu 0,10%.

Segundo cifras definitivas, o Dow Jones Industrial Average cedeu 91,50 pontos a 12.501,30 pontos e o Nasdaq recuou 2,84 pontos, a 2.839,96 pontos.

O índice ampliado Standard & Poor’s 500 retrocedeu 0,41% (ou 5,49 pontos), a 1.331,94.

“A debilidade vem de alguns informes trimestrais decepcionantes, como a indústria siderúrgica e o grupo de logística UPS”, explicou Mace Blicksilver, da Marblehead Asset Management, setores sensíveis a atividade econômica.

A queda do grupo 3M (-5,41% a 89,93 dólares) após a publicação de seus resultados – superiores às previsões em termos de benefícios, mas cujos detalhes não convenceram os investidores – representou uma boa parte das perdas do índice Dow Jones.

O mercado continuou sob a pressão da ausência de um compromisso em Washington sobre o limite da dívida federal.

“Wall Street espera”, resumiu Marc Pado, da Cantor Fitzgerald.

Democratas e republicanos têm até 2 de agosto para acordar sobre o limite da dívida federal, afim de evitar una moratória, segundo estimativas do Tesouro.

“Tudo dependerá das condições do acordo. O teto da dívida será elevado, não penso que seja esse o problema”, estimou Marc Pado, agregando que um fator importante será a maneira com que as agências classificadoras perceberão o orçamento e se é suficiente para conservar a nota AAA, ótima.

A Casa Branca ameaçou com um veto presidencial no plano de redução da dívida dos republicanos da Câmara de Representantes, se for aprovado.

Os índices resistiram bem até ceder parcialmente terreno até o final da sessão.

“Nada se mostra mais entusiasmado com o que acontece em Washington, mas também nada vende suas ações por esta razão”, disse Mace Blicksilver.

No mercado obrigatório, cujos rendimentos evoluem em sentido contrário aos preços, o rendimento do bônus do Tesouro com vencimento para 10 anos caiu a 2,951%, contra 3,004% na noite de segunda-feira e os títulos a 30 anos a 4,277% contra 4,324%. mla/sl/ja/wm