Wall Street fecha em alta com abandono de referendo grego

A Bolsa de Nova York terminou em alta nesta quinta-feira, aliviada pelo provável abandono por parte do governo grego do projeto de referendo e pelo anúncio do Banco Central Europeu de atuação perante a crise.

Segundo cifras definitivas, o Dow Jones subiu 1,76%, para 12.044,47 pontos, e o Nasdaq ganhou 2,20%, aos 2.697,97 pontos.

Já o índice ampliado Standard and Poor’s 500 subiu 1,88% (23,25 pontos), aos 1.261,15 pontos.

Além do provável fim do referendo grego, o mercado reagiu ao anúncio do BCE do corte de 0,25 ponto percentual da taxa básica de juros da região do euro, para 1,25%.

O anúncio do Banco Central Europeu surpreendeu o mercado e provocou uma disparada imediata nas principais bolsas, que conservaram a maior parte de seus ganhos até o fechamento.

No mercado obrigatório americano, o rendimento do bônus do Tesouro com vencimento à 10 anos subiu a 2,066%, contra 2,006% na véspera. Já os títulos à 30 anos ficaram a 3,119%, contra 3,038% na véspera.

Na América Latina, a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou em alta de 1,52% e a de Santiago subiu 0,15% e a de Lima 0,48%.