Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Superávit comercial da A.Latina com EUA cresce 5,1% em março

Washington, 10 mai (EFE).- O superávit dos países da América Latina e do Caribe no comércio de bens com os Estados Unidos cresceu 5,1% de fevereiro a março e ficou em US$ 6,784 bilhões, informou o Departamento de Comércio nesta quinta-feira.

O superávit latino-americano e caribenho representou em março passado 11,8% do déficit no comércio de bens dos EUA, que nesse mês somou US$ 57,45 bilhões. México, Colômbia e Venezuela continuam com superávit, enquanto Argentina, Chile e Brasil estão em déficit.

Nos três primeiros meses deste ano o superávit latino-americano e caribenho somou US$ 18,08 bilhões, comparados com os US$ 17,116 bilhões do mesmo período de 2011.

O déficit do Brasil aumentou, de US$ 500 milhões em fevereiro a US$ 682 milhões no mês seguinte, mas diminuiu o valor negativo acumulado no primeiro trimestre em comparação ao mesmo período do ano passado: US$ 1,234 bilhões frente aos US$ 3,464 bilhões.

O superávit do México subiu de US$ 5,815 bilhões em fevereiro para US$ 6,139 bilhões em março. Nos três primeiros meses do ano o superávit mexicano somou US$ 16,193 bilhões, comparado com os US$ 16,327 bilhões do período janeiro-março de 2011.

O déficit da Argentina com os Estados Unidos passou de US$ 105 milhões em fevereiro a US$ 328 milhões em março. No primeiro trimestre a Argentina acumulou um saldo negativo em seu comércio de bens com os EUA de US$ 1,024 bilhões, comparado com os US$ 909 milhões dos três primeiros meses de 2011. EFE