Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Senado dos EUA aprova projeto de lei sobre iuan

Por Paul Eckert

WASHINGTON (Reuters) – O Senado dos Estados Unidos aprovou um controverso projeto de lei para castigar a China por manter sua moeda desvalorizada, num esforço para proteger os empregos norte-americanos, e o enviou à Câmara dos Deputados, onde seu destino é incerto.

O projeto, que Pequim havia dito que poderia provocar uma guerra comercial, permitirá que o governo dos Estados Unidos aplique tarifas de compensação a produtos de países que estão subsidiando as exportações ao desvalorizar suas moedas.

Alguns parlamentares afirmam que o iuan está desvalorizado em até 40 por cento, dando s produtores chineses uma vantagem injusta nos mercados internacionais e atingindo o emprego nos EUA.

O Senado, controlado pelos democratas, aprovou por 63 votos a favor e 35 contra a legislação, que foi criada para pressionar a China a deixar que sua moeda ganhe valor, e enviou o projeto à Câmara –liderada pelos republicanos–, que poderá não votar.

O presidente da Câmara, John Boehner, disse na semana passada que seria “perigoso” para o Congresso se envolver nas taxas de câmbio de um outro país.

Se a Câmara aprovar o projeto, Obama enfrentará um dilema. Sancioná-lo e transformá-lo em lei aborreceria a China, país crucial para os EUA na frente econômica e em temas políticos mais complexos como Coreia do Norte e Irã.

Mas vetar o projeto não seria bem visto nos Estados industriais do país, como Ohio e Michigan, e poderia abalar o apoio para um segundo mandato na Presidência.

(Reportagem adicional de Richard Cowan, Doug Palmer, Tim Reid e Susan Cornwell)