Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Sarahah lidera downloads nas lojas de aplicativos em julho

Aplicativo que permite mandar mensagens anonimamente chegou ao topo do ranking tanto no sistema para Android como do iPhone

O aplicativo de mensagens anônimas Sarahah chegou em julho ao topo do ranking de downloads das lojas de aplicativos Apple Store e Google Play. O programa ficou em primeiro lugar em downloads diários na loja da Apple no Brasil no dia 27, segundo levantamento do site especializado AppAnnie. Na loja do Google, a liderança em downloads foi alcançada no dia 30.

Nesse aplicativo o usuário pode criar um perfil e enviar mensagens anonimamente a amigos e até desconhecidos. A premissa é que a pessoa será mais honesta ao fazer uma crítica sem que o receptor da mensagem saiba quem ele é.

O Sarahah foi criado pelo árabe Zain al-Abidin Tawfiq. O site oficial do aplicativo diz que um de seus benefícios é melhorar “sua amizade ao descobrir seus pontos fortes” e “deixar seus amigos serem honestos com você”.

Na loja virtual do Android no Brasil, o Sarahah (uma palavra árabe que em português significa franqueza ou honestidade) já tem mais de 1 milhão de downloads e está em primeiro lugar no ranking de “tendências”.

O aplicativo está disponível tanto para celulares com sistema operacional Android quanto para iOS. Há, também, uma versão web.

É necessário criar uma conta com e-mail e nome de usuário para mandar e receber mensagens. Ao entrar na rede social, basta buscar o nome da pessoa para então fazer o comentário. Não é possível fazer buscas por e-mail ou por rede social, tampouco responder aos recados respondidos.

Caso queira, o usuário poderá bloquear a pessoa que fez um comentário, de modo que ela só poderá dar um novo feedback para tal usuário se criar outra conta.

Não há muitas funcionalidades no aplicativo. A tela inicial é dividida em quatro tópicos. No primeiro deles é possível ver os recados recebidos, os favoritos e os enviados. Na aba seguinte há o campo de procura de pessoas. No terceiro tópico há o espaço “explorar”, que diz apenas que as ferramentas vão estar disponíveis na próxima atualização. Por fim, é possível ver o seu perfil, com o nome de usuário e sua foto.

O aplicativo funciona nos mesmos moldes do Secret, que também permitia o envio de mensagens anônimas, mas foi encerrado em 2015 por estimular o cyberbullying.