Safra de soja em 2012 deve ser 0,9% menor

Por Daniela Amorim

Rio – A safra de soja deve ser 0,9% menor em 2012 em relação a 2011, apesar do aumento de 2,4% na área a ser colhida, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A produção é estimada em 74,2 milhões de toneladas este ano, enquanto a de 2011 foi de 74,8 milhões de toneladas. Já a área colhida deve passar de 24,050 milhões de hectares em 2011 para 24,626 milhões de hectares em 2012.

De acordo com Carlos Alfredo Guedes, técnico da Coordenação de Agropecuária do IBGE, 99% da safra de soja já foi plantada e deve responder por 46% da produção de grãos em 2012. “A soja perde um pouco de participação em relação a 2011, e isso se deve principalmente ao crescimento do milho, que aumenta a sua participação na produção de grãos”, disse Guedes.

O rendimento esperado para a soja em 2012 é de 3,013 mil quilos por hectare, uma redução de 3,2% em relação ao rendimento obtido em 2011. “A soja, apesar de estar aumentando a área, há expectativa de redução na produção. Há o problema climático, porque 2011 foi um ano muito bom, então a base de comparação é alta. Pode haver redução (de produção) em alguns grãos, o que não é tão anormal assim”, afirmou o pesquisador do IBGE. “É como se 2011 tivesse tirado o máximo que a planta consegue produzir naquela área. Já em 2012, a produtividade não deve ser tão grande assim.”

A estiagem no Rio Grande do Sul reduziu em 13,3% a previsão de produção de soja no Estado. No Paraná, a seca foi responsável por uma queda prevista de 8,2% na produção de soja. Já Mato Grosso, maior produtor nacional, deve ver sua produção aumentar 5,6% em relação ao ano passado. “A falta de chuva não atingiu a região Centro-Oeste de uma forma geral”, explicou Guedes.