Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Preço do boi gordo se aproxima de máxima histórica

Indicador Esalq/BM&FBovespa atingiu R$ 134,26/arroba na segunda-feira. Seca severa prejudicou a engorda e reduziu o número de animais para abate

Os preços da arroba do boi gordo no Estado de São Paulo se aproximam da máxima histórica em um momento de escassez de animais para abate, segundo dados do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea). O Indicador Esalq/BM&FBovespa, que apura os preços à vista e serve de referência para o mercado, atingiu 134,26 reais/arroba na segunda-feira, novo recorde nominal, e se aproxima do valor recorde em termos reais (considerando correção da inflação), de 134,94 reais, observado em novembro de 2010.

Leia também:

Estiagem se espalha no país e causa prejuízo bilionário

IBGE prevê safra de 193,5 milhões de toneladas em 2014

Preços de alimentos atingem o menor nível em 4 anos, mostra ONU

O preço do boi gordo vem subindo desde o início do ano, sob impacto de uma seca severa que prejudicou a engorda dos animais. Especialistas dizem que a rentabilidade defasada para os pecuaristas nos últimos anos desestimulou investimentos no rebanho, reduzindo a oferta. Além disso, segundo relatório do Cepea, as exportações crescentes de carne bovina reforçam a tendência de alta dos preços no mercado interno.

(Com agência Reuters)