Poupança tem segundo pior mês de setembro da história, diz BC

Perda líquida foi de 2,35 bilhões de reais, superada apenas pelo resultado de setembro de 2015; neste ano, saídas chegam a 50,54 bilhões de reais

A caderneta de poupança teve saída líquida de 2,35 bilhões de reais em setembro, informou o Banco Central nesta quarta-feira, marcando o segundo pior resultado, para o mês, da série histórica iniciada em 1995. O dado só não foi mais fraco do que o resgate líquido de 5,29 bilhões de reais apurado em setembro do ano passado.

Leia também:
Salário mínimo ideal já passa de R$ 4 mil, diz Dieese
Bancos propõem reajuste de 8%; greve pode acabar nesta quinta

No Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE), os saques superaram os depósitos em 1,91 bilhão de reais em setembro, e, na poupança rural, o resgate líquido foi de 438 milhões reais. No acumulado de 2016, a perda líquida da poupança chega a 50,54 bilhões de reais, sendo 41,05 bilhões de reais no SBPE e 9,48 bilhões na poupança rural.

Com o desempenho de setembro, o resultado de 2016 já se aproxima do verificado em todo o ano de 2015, quando a saída líquida foi de 53,56 bilhões de reais

(Com Reuters)