Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Pesquisa da ACSP mostra consumidor confiante

Por Wladimir D’Andrade

São Paulo – O Índice Nacional de Confiança da Associação Comercial de São Paulo (ACSP)/Ipsos apresentou em maio ligeira alta na comparação com abril, ao passar de 164 para 166 pontos. O resultado, de acordo com a associação, mostra que o consumidor brasileiro está confiante por conta da manutenção dos níveis de emprego e renda e por não vislumbrar, ainda, impactos da crise internacional na economia brasileira. O índice varia de 0 a 200 pontos e mostra otimismo quando acima de 100 pontos.

A pesquisa para a composição do índice foi realizada em nove regiões metropolitanas e em 70 cidades do interior. A confiança aumentou entre as classes A e B de 169 pontos em abril para 170 pontos em maio. Na classe C, o índice passou de 166 para 169 pontos. Nas classes D e E, a confiança teve uma ligeira queda em maio, para 135 pontos, contra 137 no mês anterior. A confiança é maior entre os moradores de capitais (175 pontos) e, na análise por regiões, entre os brasileiros do Norte/Centro-Oeste (193 pontos).

A pesquisa mostra que 51% dos entrevistados consideram sua situação financeira atual “boa”. Em maio de 2011, essa proporção era de 43% e, no mesmo mês de 2010, de 47%. O otimismo também é projetado para o futuro: para 59% dos consultados a situação financeira vai melhorar, ante 51% que havia respondido o mesmo em maio do ano passado e 60% em igual mês de 2010.

Em relação à manutenção do emprego, 45% disseram se sentir mais seguro no seu posto de trabalho em maio, contra 39% em igual mês de 2011 e 44% em maio de 2010. Consequentemente, de acordo com a pesquisa, metade dos entrevistados (50%) em maio se declararam “mais favoráveis” às compras de eletrodomésticos – em 2011 eram 44% e em 2010, 49%.