Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

OHL quer ser concessionária de portos e aeroportos

Por Luciana Collet

São Paulo – A concessionária de rodovias OHL Brasil pretende atuar em outros setores de infraestrutura de transportes. A intenção da companhia, conforme informou nesta terça-feira o diretor de relações com investidores, Alessandro Scotoni Levy, é entrar, especificamente, nos segmentos de portos e aeroportos.

A companhia chegou a participar do primeiro leilão de aeroportos, que ofereceu à iniciativa privada os aeroportos de Guarulhos, Viracopos e Brasília, mas não obteve sucesso.

No setor de portos, o executivo disse que o foco da companhia está nos ativos de menor porte, para movimentação de contêineres e, preferencialmente, que ofereçam sinergia com as rodovias administradas pela companhia.

Segundo Levy, a empresa já avaliou algumas alternativas para aquisição, mas no momento não há negociações. “Chegamos a fazer algumas propostas mas não foram aceitas”, comentou.O executivo lembrou também das discussões governamentais a respeito de concessões portuárias.

Levy participou, nesta tarde, do Brasil Investment Summit 2012, evento que acontece esta semana em São Paulo.