Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Novartis e AstraZeneca tem permissão europeia para remédios

LONDRES, 22 Jun (Reuters) – A Novartis e a AstraZeneca receberam a recomendação de reguladores europeus para importantes novos remédios nesta sexta-feira, enquanto a rival Pfizer não obteve a aprovação.

A Agência Europeia de Medicamentos (EMA) disse que o Comitê para Produtos Médicos para Uso Humano aprovou o Afinitor da Novartis, usado para o tratamento de câncer de mama e outros tipos de tumores, assim como outro produto para doença pulmonar.

A agência também aprovou o novo antibiótico da AstraZeneca, o Zinforo.

Porém, a Pfizer não conseguiu apoio para o Elelyso, um novo tratamento para doença de Gaucher, que foi aprovado nos Estados Unidos em maio. Elelyso foi desenvolvido com a empresa Protalix Biotherapeutics e rivaliza com o Cerezyme, da Sanofi, e com o Vpriv, da Shire.

As recomendações de aprovação da agência normalmente são seguidas pela Comissão Europeia alguns meses após.

A recomendação para o remédio da Novartis para câncer de mama em estágio avançado é um voto de confiança em um remédio que espera-se que seja o mais vendido da fabricante suíça. O Afinitor já foi aprovado para outros tipos de câncer como de rim e tipos raros de câncer no pâncreas.

Para a AstraZeneca, o sucesso do Zinfiro é um impulso em um momento que a empresa enfrenta dificuldades para trazer novos remédios ao mercado.

(Por Ben Hirschler)