Petrobras reverte prejuízo e tem resultado histórico no trimestre

Empresa registrou lucro líquido de R$ 4,45 bilhões no primeiro trimestres, ante prejuízo no mesmo período do ano passado

A Petrobras teve lucro líquido de 4,45 bilhões de reais no primeiro trimestre, revertendo um prejuízo de 1,246 bilhão de reais no mesmo período do ano passado. O resultado foi impulsionado por um desempenho operacional histórico, apesar de uma menor demanda por derivados no mercado interno, disse a estatal nesta quinta-feira.

Veja também

O resultado operacional medido pelo Ebitda (lucro antes de juros, impostos, amortização e depreciação) ajustado subiu para o recorde histórico de 25,254 bilhões de reais, ante 21,193 bilhões de reais no mesmo período do ano passado, ressaltou a presidente da Petrobras, Pedro Parente, a jornalistas.

O bom desempenho do trimestre foi alcançado por meio de menores gastos com importação de petróleo e derivados, em função da maior participação do óleo nacional na carga processada e da maior oferta de gás natural nacional. “A produção está crescendo e estamos usando mais óleo nacional… e um volume expressivo foi exportado a um preço maior”, disse o diretor financeiro da Petrobras, Ivan Monteiro, citando ainda redução no custo de logística para processar nas refinarias.

A Petrobras registrou produção total de petróleo e gás natural de 2,805 milhões de barris de óleo equivalente por dia, em média, no período. Foram produzidos 2,248 milhões de barris por dia (bpd) de petróleo, sendo 2,182 milhão bpd no Brasil, 10% acima do mesmo período do ano passado.

A estatal ainda citou menores despesas com vendas, gerais e administrativas, além de redução das despesas financeiras líquidas e dos menores gastos com baixas de poços secos/subcomerciais no primeiro trimestre.

A receita com vendas, entretanto, caiu 3% na comparação com o mesmo período do ano anterior, para 68,365 bilhões de reais, em meio a menor demanda no mercado interno.

(Com Reuters)

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Simplesmente

    E privatizada iria dar quanto de lucro???

    Curtir

  2. Salatiel Neto

    Foi só o poste sair ….. que coisa, como pudemos ter uma pessoa que quebrou sua loja de 1,99 ser presidente do país? É democracia, ok, mais votos ganha, mas COMO ELA PODE CONSEGUIR estes votos? No segundo então mentindo em todos os momentos ….. Mesmo não gostando do Temer, mas só por ela ter saído tudo começou a mudar ….

    Curtir

  3. Fabricio Dias Rabelo

    Ué , mas no primeiro trimestre de 2014 e 2015 ela teve LL também. Muito histórico essa reversão

    Curtir

  4. Sandro HalfHand

    Já dizia John D. Rockefeller: “O melhor negócio do mundo é uma empresa de petróleo bem administrada; o segundo melhor é uma empresa de petróleo mal-administrada”.

    Curtir

  5. Diego Berlezi

    Ótima notícia! Então vamos vender essa droga agora, enquanto está em alta, porque eu já estou cansado de abastecer dois tanques quando vou ao posto: um para o meu carro e outro para o governo. Essa imundície de empresa tem que ser empurrada para a iniciativa privada imediatamente, pois não é competência do governo ser dono de petrolíferas. Ademais, se começar a dar lucro, em 2018, quando o Lulla for reeleito, será novamente sorvedouro para ladrão de estatal.

    Curtir

  6. joao batista de assis pereira

    Não bastasse o ataque de gerentes corruptos do alto escalão da Petrobras do quilate de um Renato Duque, Nestor Cerveró, Jorge Juiz Zelada, Paulo roberto Costa, e outros tantos que ainda milita na maior estatal brasileira, a nossa Petrobras esta sob ferrenho ataque global de hackers que roubam suas informações confidenciais de seus gerentes corruptos e pedem resgate dessas importantes informações confidenciais e corporativas. Assim, não adianta um balaço positivo no primeiro trimestre e já vão entregando tudo para os piratas da Internet.

    Curtir