Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Fipe: relação etanol/gasolina sobe e encosta em 70%

Por Maria Regina Silva

São Paulo – A relação entre os preços do etanol e da gasolina aumentou da segunda para a terceira semana de maio, conforme dados divulgados nesta sexta-feira pelo coordenador do Índice de Preços ao Consumidor (IPC), da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), Rafael Costa Lima. Em entrevista à Agência Estado, ele informou que a diferença entre o valor do álcool combustível e da gasolina subiu para 69,71% na terceira semana do mês, contra 68,92% na anterior. “Ainda está abaixo de 70%, mas a taxa não está despencando, apesar da entrada da nova safra no mercado”, disse.

Para especialistas, o uso do etanol deixa de ser vantajoso em relação à gasolina quando o preço do derivado da cana-de-açúcar representa mais de 70% do valor da gasolina. A vantagem é calculada considerando que o poder calorífico do motor a etanol é de 70% do poder dos motores a gasolina. Entre 70% e 70,50%, é considerada indiferente a utilização de gasolina ou etanol no tanque.

Costa Lima voltou a afirmar que dificilmente a relação entre o valor do etanol e da gasolina irá diminuir, dada a expectativa de que a safra deste ano não será tão boa quanto a anterior, o que deve deixar esse custo/benefício perto de 70%.

Dentro do IPC-Fipe, que levou em conta os dados na terceira quadrissemana de maio (23 de abril a 23 de maio), os preços do etanol e da gasolina cederam 1,30% e 0,16%, respectivamente. Já o índice cheio subiu 0,41% na terceira leitura do mês.