Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Fabricantes de máquinas fotográficas apresentam novidades em feira nos EUA

Carmen de Águeda

Las Vegas (EUA.), 10 jan (EFE).- Os fabricantes de máquinas fotográficas apresentaram no Consumer Electronic Show (CES), em Las Vegas, o encontro tecnológico mais importante do mundo, potentes câmeras profissionais e 3D, com o objetivo de competir com os celulares que têm câmeras fotográficas.

Programas como ‘instagram’ substituíram o laboratório fotográfico, os cartões de memória são os novos carretéis e as redes sociais como Twitter e Facebook se transformaram nos álbuns de fotos do século XXI.

Parecia impossível, mas os smartphones estão substituindo as câmeras tradicionais, por isso os fabricantes estão se esforçando para fazer produtos de qualidade profissional e com dispositivos inovadores.

A Fujifilm apresentou sua X-Pro 1, uma câmera profissional, que segundo o subdiretor-geral da companhia, Masatake Matsumoto, ‘combina a última tecnologia com design apropriado’.

O modelo, que será lançado no mercado no final de fevereiro, tem um novo sensor de 16 megapixels, não usa espelhos, apresenta lentes intercambiáveis e de tamanho menor (15mm, 35mm e o macro de 60mm), sem perder a qualidade de imagem e o controle para produzir a foto.

Com essa câmara, a Fujifilm se aproxima de outros fabricantes, como a Laica, que anunciou mais de vinte novos modelos, que tem preços a partir de US$ 100 e que tem características tão variadas como resistência à água ou a captura de imagens em 3D.

Com a premissa de que apenas fazer fotos não é suficiente, é preciso compartilhá-las, a Samsung apresentou modelos de câmaras fotográficas e de vídeo wi-fi.

Outra fabricante que mostrou suas novidades na feira foi a Sony: o modelo Bloggie Live faze imagens de vídeo em qualidade HD, tem microfone estéreo e internet wi-fi. Já a câmera de vídeo Handyman tem um projetor que permite a exposição dos conteúdos a qualquer momento.

A companhia também mostrou novidades como sistemas de compartilhamento, como o Sony Memories, e o estabilizador de imagem SteadyShot, que promete fotografias nítidas inclusive quando o usuário treme o pulso. EFE