Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Expectativa melhora e confiança do consumidor sobe pelo 3º mês

Retomada da confiança é tida pelo governo como determinante para a recuperação do crescimento

As expectativas melhoraram com força em julho e a confiança do consumidor do Brasil avançou pelo terceiro mês seguido, de acordo com os dados divulgados nesta segunda-feira pela Fundação Getulio Vargas (FGV). O Índice de Confiança do Consumidor (ICC) subiu 5,4 pontos em julho na comparação com o mês anterior, maior ganho registrado neste ano, e alcançou 76,7 pontos.

O destaque foi a alta de 8,2 pontos do Índice de Expectativas (IE), atingindo 85,3 pontos, melhor nível desde dezembro de 2014 (87,2). Já o Índice da Situação Atual (ISA) avançou 1,0 ponto, a 65,7 pontos, maior patamar desde março do ano passado.

Leia também:
De goleiro a dormir de conchinha: apps criam ‘aluguel de gente’
Reação de commodities pode acelerar volta do crescimento

“A rápida melhora das expectativas após a entrada do governo interino… parece superar a velocidade de recuperação cíclica da economia no curto prazo, ainda mais considerando-se os riscos ainda existentes no ambiente político, como a segunda fase do impeachment, as eleições e a votação das medidas de ajuste fiscal”, destacou a coordenadora da sondagem o consumidor da FGV, Viviane Seda Bittencourt, em nota.

Os indicadores de confiança vêm sendo acompanhados com atenção à medida que sua melhora aponta, segundo especialistas, estabilização da atividade econômica. A retomada da confiança é tida pelo governo como determinante para a recuperação do crescimento.

(Com agência Reuters)