Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Dívida: Casa Branca ameaça vetar plano dos republicanos

A Casa Branca advertiu nesta terça-feira que o presidente Barack Obama vetará o plano dos republicanos de resolver a crise da dívida em duas etapas, caso esta seja aprovada no Congresso.

“A administração (do presidente Barack Obama) se opõe firmemente à aprovação por parte da Câmara” do plano apresentado pelo presidente do grupo, o republicano John Boehner, e, caso este projeto chegue à Casa Branca para sua promulgação, “os conselheiros do presidente recomendarão que o mesmo seja vetado”, disse a presidência americana em um comunicado.

Republicanos e democratas do Congresso permanecem profundamente divididos às vésperas da data limite de 2 de agosto para evitar um catastrófico default. Contudo, os responsáveis da Casa Branca esperam um acordo.

“Mantemos a confiança”, disse o porta-voz presidencial, Jay Carney, aos jornalistas. “Cremos que finalmente o Congresso atuará corretamente”.

Dois de agosto é a data estimada pelo Tesouro para que sejam esgotados os fundos para reembolsar as obrigações. Para evitar isso, espera-se que o Congresso eleve o limite da dívida, de 14,3 bilhões de dólares, para que o país possa continuar recebendo crédito.