Controladora da JBS assina acordo de leniência com MPF

Em nota, a empresa afirmou que a assinatura do acordo "marca o início de uma nova fase na gestão dos negócios do grupo"

A J&F, controladora da JBS, afirmou nesta segunda-feira (5) que assinou o acordo de leniência com o Ministério Público Federal (MPF), celebrado na semana passada.

Dessa forma, a holding controlada por Joesley e Wesley Batista irá pagar, ao todo, R$ 10,3 bilhões -dinheiro que deverá ser destinado a iniciativas educacionais, prevenção à corrupção, além de ressarcir os cofres públicos.

Em nota, a empresa afirmou que a assinatura do acordo “marca o início de uma nova fase na gestão dos negócios do grupo” e que irá permitir que a  “JBS e as demais empresas do grupo J&F negociem e renovem empréstimos com todo o sistema financeiro nacional, incluindo bancos públicos”.

Ainda segundo a J&F, nenhuma das empresas do grupo sofrerá impactos financeiros em razão do acordo de leniência. A empresa é dona de marcas conhecidas, como Havaianas, Minuano, Mizuno, Osklen, entre outras.

 

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. So em paises onde a corrupcao destroi as bases de uma nacao um acogueiro fica bilionario com dinheiro de roubo do BNDS

    Curtir

  2. Ronaldo Magnavacca

    A reportagem diz que o dinheiro – 10,3 bi será para ressarcir os cofres públicos, despesas educacionais, prevenção a corrupção. Agora, e os milhares de empregados que trabalham no duro e que por luxuria dos patrões da JBS e J&S serão demitidos, pois esse será o destino dos empregados, que ficarão sem seus empregos. Vai ter dinheiro para pagar suas rescisões trabalhistas, direitos??. O MPF tem que estar atento a isso também. Lamentável, sou brasileiro, mas tenho vergonha de ter nascido num país que conspira contra os honestos, os que pagam impostos sem direito a reclamar da carga paga e não vê nem ordem nem progresso em nada. Tudo se resume em roubalheira, desvios, corrupção e descrença. Espero que as cadeias estejam de grades abertas para receber todo esse contingente de larápios que assolaram nosso Brasil, sem dó, sem piedade. Piedade e caridade merecem os pobres, os honestos, os de boa índole, os que tem fé……

    Curtir