Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Concessão de aeroportos depende de agenda de Dilma

Por Célia Froufe

Brasília – Está tudo pronto para que a assinatura dos contratos de concessão pelos vencedores do leilão dos aeroportos de Guarulhos (SP), Brasília (DF) e Viracopos (Campinas-SP) seja realizada. Apesar de a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) não ter ainda uma data marcada para as assinaturas, a expectativa é de que a publicação da convocação seja feita nos próximos dias no Diário Oficial da União. O único empecilho para a definição de uma data, segundo fonte do governo, é saber se a presidente Dilma Rousseff participará do evento ou se o ato ficará apenas a cargo da agência.

Para dar continuidade ao processo, a Anac aguardava a entrega, pelas companhias, das certidões de registro das juntas comerciais das atas das assembleias de acionistas, o que foi feito na semana passada, de acordo com a agência.

O leilão desses três aeroportos foi realizado em fevereiro e os contratos de concessão tratam da ampliação, manutenção e exploração desses três terminais.

As ofertas das companhias que participaram da disputa surpreenderam ao somar R$ 24,5 bilhões, um ágio total de cerca de 350%. O valor mínimo apresentado pelo governo pelos três aeroportos foi de R$ 5,47 bilhões. A Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) terá participação de 49% em cada um dos três consórcios vencedores.