Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Cofundador do Facebook renuncia à cidadania dos EUA

Por Álvaro Campos

Nova York – O brasileiro Eduardo Saverin, cofundador do Facebook, renunciou à sua cidadania norte-americana, que também possuía, noticiou nesta sexta-feira a agência Bloomberg. Atualmente ele mora em Cingapura.

“Eduardo recentemente achou mais prático se tornar um residente de Cingapura, já que planeja viver lá por um período indefinido de tempo”, comentou Tom Goodman, porta-voz de Saverin, em um e-mail enviado à Bloomberg.

Segundo a agência, a renúncia à cidadania norte-americana pode ser uma manobra para reduzir a carga de impostos de Saverin, antes da oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) do Facebook, que deve ser lançada na semana que vem.

Segundo a imprensa norte-americana, a participação do brasileiro no Facebook é de 4%. Se as ações forem vendidas no topo da faixa estimada de preços, a fatia de Saverin pode chegar a cerca de US$ 3,84 bilhões.

Anteriormente, Saverin entrou em conflito com Mark Zuckerberg, seu colega de classe na Universidade de Harvard, sobre sua participação no Facebook. O brasileiro chegou a processar Zuckerberg, mas depois chegou a um acordo, por um valor não revelado. As informações são da Dow Jones.