Bob’s responde à ‘rasteira’ que tomou do McDonald’s: “#MilkFake”

Rede Bob's perdeu para o McDonald's a exclusividade no uso da marca Ovomaltine, achocolatado utilizado na produção de milk-shakes

A rede Bob’s decidir responder à “rasteira” que tomou de seu rival, o McDonald’s, no uso da marca Ovomaltine, usada em milk-shakes. Em suas contas no Facebook e no Twitter, o Bob’s declara: “Não tem textão, a questão é simples: quem conhece o sabor de verdade não toma #MilkFake“.

Com texto curto, a rede exibe uma imagem de um de seus shakes envolta em um desenho de coração. Ao lado, o formato de um copo usado pela concorrente e a inscrição “MilkFake”.

Nesta terça-feira, o McDonald’s informou que passaria a ter exclusividade no uso do nome Ovomaltine, achocolatado utilizado no preparo de milk-shakes e bastante associado à rival. O Bob’s lançou o milk-shake de Ovomaltine em 1959 e, desde 2005, tinha um contrato de exclusividade no uso da marca no Brasil.

Sem poder usar mais a marca Ovomaltine, o milk-shake do Bob’s passou a se chamar “crocante”. Ao site de VEJA, o diretor- geral do Bob’s, Marcello Farrel, afirmou que pesquisas feitas pela com seus consumidores indicaram que a rede de lanchonetes é reconhecida pelos seus milk-shakes – e que não necessariamente precisaria da marca Ovomaltine para suas vendas. O nome usado pela empresa passou a ser “Crocante”.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Tomei um Ovomaltine hoje no McDonalds. Não se compara! Bob’s imbatível.

    Curtir

  2. Marco Otacílio

    Sempre fui fã o shake com ovomaltine do Bob’s, a partir de agora passarei a tomar o crocante, no Bob’s é claro.

    Curtir

  3. Deveriam chamar agora de Novomaltine kkkkkkkkkk

    Curtir

  4. Rômulo Pinheiro

    O crocante do Bob’s é incomparável!!!

    Curtir

  5. Tudo a mesma droga!

    Curtir

  6. Sérgio Tricarico

    McDonald’s e seus cachorros amestrados

    Curtir

  7. Jorge Luís dos Santos

    Briga de tubarões! Amanhã, um estará na barriga do outro! Todo mundo sabe o que faz! Ninguém sai perdendo! Não existe “lados”, mas um só lado. O mercado é amoral. Marketing “negativo” de ambos os lados. Quem seria o beneficiado, deveras? Resposta: os dois, que, na verdade é…UM! “Todo mundo mente!” (Dr. House) Boa noite! Jorge

    Curtir