Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

BNDES defende resgatar investimentos de brasileiros na JBS

O presidente do BNDES disse que o banco quer influenciar na escolha da diretoria financeira da JBS

O presidente do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), Paulo Rabello de Castro, defendeu no Twitter o resgate dos investimentos feitos pelos brasileiros na JBS. O banco detém 21,31% do capital da empresa, cujos donos – os empresários Joesley e Wesley Batista – estão presos acusados de usar a própria delação para lucrar no mercado financeiro.

Segundo ele, resgatar “não é sacar e livrar o seu”. “É salvar o de todos. Vamos começar a separar os malfeitos dos CPFs dos bem feitos dos CNPJs”, escreveu ele no Twitter.

 

Rabello disse nesta quinta-feira que o BNDESPar, braço de participações do banco, quer trocar seus dois membros no conselho de administração da JBS e influenciar a escolha para a diretoria financeira da maior processadora de carnes do mundo.

O BNDES tem defendido a saída da família Batista do comando da JBS, da qual o banco detém participação de cerca de 20 por cento.

“Nós temos mais de 20% e temos direito a dois assentos e estamos alterando os dois nomes. Queremos influir sim nos outros dois nomes que são conselheiros independentes, e eventualmente influenciar na escolha da diretoria financeira da empresa”, disse Rabello de Castro.

(Com Reuters)