As diferenças e os recursos dos novos modelos de iPhone

A Apple apresentou nesta terça-feira, na sua nova sede, na Califórnia, as últimas três versões do seu smartphone: X, 8 Plus e 8

A Apple anunciou nesta terça-feira seus novos produtos durante a conferência anual, realizada pela primeira vez na sua nova sede, na Califórnia. A grande expectativa era sobre a nova versão do iPhone, cuja primeira versão completou dez anos em 2017. A empresa trouxe três novos modelos do produto: 8, 8 Plus e X (chamado de “dez”, por causa do número romano representado pela letra ‘X’).

A diferença mais significativa está entre o design do X em relação aos demais, já que a tela acompanha quase toda a superfície do aparelho. Não há botão frontal. O display tem tamanho de 5,8 polegadas e resolução de 2.436 x 1.125 pixels (chamado de Super Retina, pela Apple). Nas versões 8 e 8 plus, os tamanhos são de 5,5 polegadas (1.920×1.080 pixels) e 4,7 polegadas (1.334 x 750 pixels), respectivamente.

A empresa diz que o contraste (diferença entre a luminosidade de um ponto claro e outro escuro) na tela do X chega a 1.000.000 para 1, enquanto no 8 Plus e no 8 são de 1.300 e 1.400 para 1, respectivamente.

Outra diferença fundamental é que o iPhone X tem um sistema de reconhecimento facial. Como o aparelho perdeu o famoso botão “home” – que além de servir para acessar menus, tinha um sensor de digitais -,  o recurso poderá ser usado para desbloquear a tela. Nas versões 8 Plus e 8, o desbloqueio pode ser feito ao passar a digital no botão “home”, como no iPhone 7.

Entre as similaridades nos três modelos apresentados hoje estão o processador – o novo A11, que promete ser 70% mais rápido que o antecessor e fazer a bateria durar até duas horas a mais. Outro novo recurso presente em todos é a possibilidade de carregamento wireless (sem fio) – ao colocar os dispositivos em bases de recarga com o padrão Qi. Também é igual a capacidade de armazenamento (com versões de 64GB e 256GB) e a resolução das câmeras (7MP na frontal e 12 MP na traseira). A gravação de vídeos, nos três aparelhos, pode ser feita em resolução 4K, a até 60 frames por segundo (fps).

A captura de fotos, no entanto, tem diferenças. Na versão X, o sistema de reconhecimento facial permite que o smartphone calcule a iluminação de rostos mais precisamente, resultando em fotos com mais qualidade. As câmeras frontais do iPhone 8 e 8 Plus são as mesmas, segundo a Apple. Na câmera traseira, os iPhones X e 8 Plus são equipados com um sistema de câmera dupla (grande angular e teleobjetiva), que funcionam em conjunto para produzir uma única imagem. O recurso já existia no iPhone 7 Plus. Já o iPhone 8 tem uma única câmera traseira, que é mais simples que esse sistema.

O iPhone X poderá ser encomendado nos Estados Unidos a partir do dia 27 de outubro, com as entregas começando no dia 5 de novembro. A versão mais barata custa 999 dólares (3.117 reais),  e está disponível nas cores prata e “cinza espacial” (cinza escuro). As versões 8 Plus e 8 estarão disponíveis a partir do dia 15 de setembro, com entrega a partir do dia 22. Estarão disponíveis em prata, “cinza espacial” e dourado. Os preços iniciais são de 799 dólares (2.493 reais) e 699 dólares (2.181 reais), respectivamente.