Aneel aprova estudo de viabilidade da hidrelétrica Marabá

RIO DE JANEIRO, 10 Abr (Reuters) – A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou os estudos de viabilidade técnica e econômica da hidrelétrica Marabá, de 2.160 megawatts (MW), que será construída nos Estados do Pará e Maranhão, segundo despacho publicado no Diário Oficial da União desta terça-feira.

O estudo de viabilidade foi apresentado pela Eletronorte, subsidiária da Eletrobras e pela Camargo Corrêa.

A usina está prevista no Plano Decenal de Expansão da Energia 2011-2020 (PDE) para entrar em operação em novembro de 2019.

Como hidrelétricas são negociadas nos leilões de energia nova A-5 (com prazo de cinco anos), a usina deve ser ofertada entre os anos de 2014 e 2015 -nesse caso, considerando a entrada em operação no início de 2020.

O licenciamento da usina está a cargo do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

A usina recebeu aprovação do termo de referência -uma das etapas do processo de licenciamento ambiental- em meados de março passado.

A elaboração do estudo ambiental também está a cargo da Eletronorte.

(Por Fábio Couto)