Capitais podem ter recorde de frio do ano nesta quarta-feira

A tarde de terça-feira foi possivelmente a mais fria em Brasília e Goiânia, segundo o Climatempo. Em SP, a madrugada de quarta chegou a 6,2ºC, segundo o CGE

A madrugada desta quarta-feira possivelmente foi a mais fria do ano em sete capitais brasileiras, segundo a empresa Climatempo. Desde o início do inverno, São PauloBelo HorizonteBrasíliaGoiânia, Salvador, Aracaju e Maceió devem ter registrado as temperaturas mais baixas, que serão confirmadas após a leitura das mínimas e máximas registradas.

Em São Paulo, a temperatura mínima na madrugada desta quarta-feira chegou a 6,2°C, medidos na região de São Mateus, na Zona Leste, segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) da Prefeitura. O município de Santana do Parnaíba, a 42 quilômetros de São Paulo, chegou a 4,4ºC às 6h  a mais baixa registrada desde 0h nas trinta estações do CGE.

O frio intenso que marca o início deste inverno é resultado de uma massa polar que está sobre o oceano e vem provocando a redução das temperaturas do país desde o início de julho, principalmente nas regiões Sudeste, Centro-Oeste e Sul. A circulação desses ventos frios e úmidos vindos do Atlântico é o responsável pelas baixas temperaturas registradas, segundo o meteorologista Franco Nadal Junqueira Villela, do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

Dias frios

De acordo com o Climatempo, a tarde da terça-feira muito provavelmente foi a mais fria do ano até agora em Brasília e Goiânia e há também a possibilidade de recorde em Belo Horizonte. Medições feitas pelo Inmet registraram máxima de 20,1°C em Brasília, durante a tarde de terça-feira. A menor temperatura máxima do ano era de 22,2°C registrada em 26 de junho e em 3 de julho.

Em Belo Horizonte, a temperatura máxima registrada no bairro da Pampulha foi de 19,7°C e, em Santo Agostinho, 18°C. Fortaleza teve mínima de 21,8°C, menor que os 22,3°C registrados em 23 de março, segundo o Climatempo.

Em São Paulo, a tarde gelada foi seguida por uma madrugada com temperaturas baixíssimas. Às 6h desta quarta-feira, as áreas mais afastadas do centro amanheceram com temperaturas que não ultrapassaram os 10°C. Em Pirituba os termômetros marcaram 6,9ºC, em Itaquera, 7,5ºC; no bairro de Jabaquara, 7,6ºC; e em Barragem de Parelheiros, 7,7ºC. Na região serrana do Estado, Campos do Jordão teve frio de 0ºC e sensação térmica de -2ºC, conforme o Climatempo.

No marco zero da capital, na Praça da Sé, o registro foi de 11ºC às 6h. Assim, a média mínima entre todas as regiões monitoradas pelo CGE ficou em torno de 9ºC desde o início da madrugada. O frio desta quarta deve ficar próximo ou bater o recorde de 11 de junho, quando o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet)  fonte para temperatura oficial  registrou média de 8,8ºC na capital.

Previsão do tempo

A massa de origem polar mantém as temperaturas baixas nesta quarta-feira em todo o Brasil. Para São Paulo, o CGE projeta um amanhecer com sol e dia com poucas nuvens, com máxima prevista de 20ºC. Nas regiões Sudeste e Centro-Oeste, as temperaturas devem aumentar durante a tarde e há previsão de chuva fraca no litoral do Sudeste e Sul, segundo o Climatempo. O mar deve ficar agitado nesta quarta-feira na costa do Nordeste e, na região Norte, há risco de chuvas fortes em Roraima e no Norte do Amazonas.

(Com Estadão Conteúdo)