Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Cápsula privada Dragon se acopla à Estação Espacial Internacional

Washington, 25 mai (EFE).- O veículo Dragon se acoplou nesta sexta-feira à Estação Espacial Internacional (ISS), a quase 390 quilômetros da Terra, na primeira missão de uma cápsula elaborada, fabricada, lançada e operada por uma empresa privada para o abastecimento do posto orbital.

A Nasa, agência espacial americana, confirmou que, às 7h02 (horário de Brasília), quando ambos os veículos viajavam a cerca de 27,7 mil km/h, o braço robótico da ISS aproximou a Dragon à comporta do módulo Harmony e completou a operação.

O braço robótico, de fabricação canadense e de 17 metros de comprimento, capturou a cápsula não tripulada Dragon às 10h56 (sempre pelo horário de Brasília), quando ambos sobrevoavam o espaço nordeste da Austrália rumo ao Oceano Pacífico, após terem transcorrido 3 dias, 6 horas, 11 minutos e 23 segundos desde o lançamento em Cabo Canaveral, Flórida (EUA).

A aproximação final da Dragon à ISS tinha começado quando os dois veículos ingressaram na noite rumo ao sudeste da África do Sul, e a operação bem-sucedida motivou aplausos e uma ovação na sala de controle de missão da empresa Space Exploration Technologies (SpaceX), na Califórnia.

O astronauta Andre Kuipers, da Agência Espacial Europeia, e seu colega Don Pettit, da Nasa, operaram o braço robótico, que levou a Dragon até a cúpula de Harmony, e o astronauta Joe Acaba, situado no laboratório Destiny, se encarregou da manobra final de acoplamento operando um computador portátil. EFE