Senadores do PR, PTB e PSC apoiam CPI de Cachoeira

Por João Domingos

Brasília – O bloco formado pelo PR, PTB, PSC no Senado, com 13 senadores, decidiu apoiar a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar as relações do empresário Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, com políticos. No PT, o líder Walter Pinheiro (BA) já tem até três candidatos a relator se o caso ficar com o Senado numa eventual CPI Mista, o que será decidido ainda esta terça à tarde em reunião entre os presidentes do Senado, José Sarney (PMDB-AP), e da Câmara, Marco Maia (PT-RS). Os três nomes são: Wellington Dias (PI), José Pimentel (CE) ou Delcídio Amaral (MS).

Na Câmara, o presidente Marco Maia já disse que, se não for uma CPI Mista, a Câmara vai instalar a comissão de inquérito porque já tem as assinaturas necessárias para isso. De qualquer forma, hoje haverá uma decisão sobre a investigação pelo Congresso das ligações de Cachoeira.