Protesto contra a corrupção terá passeata na Praia de Copacabana no feriado de 12 de outubro

Organizadores esperam reunir mais de 2.500 manifestantes, desta vez na zona sul da cidade. Confira o roteiro das manifestações pelo Brasil

O Movimento Todos Juntos Contra a Corrupção promete reeditar, no feriado desta quarta-feira, a série de protestos pacíficos do dia 7 de setembro contra a roubalheira na política. Pelo menos 25 cidades, de 17 estados, têm grupos mobilizados com uso das redes sociais para as manifestações. Um delas é o Rio de Janeiro, que trocará a Cinelândia, onde ocorreram os primeiros protestos, pelo Posto 4 da Praia de Copacabana. A expectativa é superar a marca de 2.500 participantes do último evento.

Até as 17h desta terça-feira, 1.342 pessoas haviam confirmado presença na página da passeata no Facebook, enquanto outras 11.658 ainda não tinham respondido ao convite. Na descrição do evento, os organizadores elogiam o bom comportamento dos participantes na primeira manifestação e já falam em amadurecer para futuras mobilizações.

“Amigos, acreditamos ter conseguido nosso objetivo. Nossa voz foi ouvida, nenhuma ocorrência policial foi registrada, quando o evento terminou não tinha sequer lixo na Cinelândia. Agradecemos a todos que compareceram e também aos que não conseguiram comparecer, mas divulgaram e apoiaram, agradeço também as críticas, elas trarão maturidade e nas próximas vezes poderemos ajustar os detalhes, lamentamos se não conseguimos dar a palavra a todas as pessoas, eram muitos indignados e não conseguiríamos atender a todos. OBRIGADO RIO, OBRIGADO BRASIL!”, diz o texto de apresentação.

A passeata terá concentração a partir das 13h, no Posto 4, com saída às 14h em direção ao Posto 2.

Roteiro das manifestações contra a corrupção no Brasil:

Alagoas: Maceió – Antigo 7 Coqueiros até o Antigo Alagoinhas, às 13h;

Amazonas: Manaus – Centro, em frente ao colégio Dom Pedro, às 14h;

Bahia: Salvador – Cristo da Barra, às 14h;

Ceará: Fortaleza – Praça da Imprensa rumo ao Cocó, às 14h;

Distrito Federal: Brasília – Museu Nacional, às 10h;

Espírito Santos: Vila Velha – Praia da Costa, às 12h;

Goiás: Goiânia – Da Praça Universitária até a Praça Cívica, às 10h;

Maranhão: São Luís – Praça do Pescador, na Avenida Litorânea, às 14h;

Minas Gerais: Belo Horizonte – Da Praça da Liberdade até a Praça 7, às 14h; Uberlândia – Praça Tubal Vilela, às 14h;

Pará: Belém do Pará – Praça do CAN, às 14h; Santarém – Da prefeitura até o fórum, às 17h;

Pernambuco: Recife – Pracinha de Boa Viagem, às 14h;

Paraíba: João Pessoa – Busto de Tamandaré, às 14h;

Piauí: Teresina – Praça da Liberdade, às 14h

Paraná: Curitiba – Santos Andrade, em frente à escadaria da UFPR, às 14h; Campo Mourão – Praça Central, às 14h;

Rio Grande do Sul: Porto Alegre – Parque da Redenção, durante toda a tarde;

Rio de Janeiro: Rio de Janeiro – Copacabana, do Posto 4 ao Posto 2, às 13h

Santa Catarina: Brusque – Praça Barão de Schneeburg, às 9h; Florianópolis – Trapiche Beira Mar, às 10h; Jaraguá do Sul – Praça Ângelo Piazera, às 14h;

São Paulo: São Paulo – Avenida Paulista, em frente ao Masp, às 14h; Santos – Parque da Independência, às 14h; São José dos Campos – Vicentina Aranha, às 15h.