PF prende grupo que gerenciava site de filmes na internet

Foram alvos da operação os sites Mega Filmes HD 2.0, Armagedom Filmes, Filmes Online Grátis

A Polícia Federal prendeu cinco pessoas, nesta quinta-feira, na segunda fase da Operação Barba Negra, que tem como objetivo desarticular um grupo especializado na prática de crimes contra direitos autorais pela internet. Uma pessoa está foragida.

Com a ajuda internacional da Interpol, os sites Mega Filmes HD 2.0, Armagedom Filmes, Filmes Online Grátis vão ser retirados do ar, por operarem ilegalmente no Brasil, segundo a PF.

Leia também:
Ex-governador do TO é preso pela PF

Ao todo, a PF cumpriu doze mandados de busca e apreensão e seis mandados de prisão, todos expedidos pela 1ª Vara Federal de Sorocaba, nos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Paraíba e Pernambuco.

De acordo com as investigações, os três sites recebem juntos, em média, 768 milhões de visitas anuais, com mais de 11.000 títulos disponíveis para streaming, com acessos partindo do Brasil e de vários países do mundo, especialmente Portugal e Japão. Em razão do enorme tráfego, comparável a grandes portais legítimos no Brasil, os sites atraem redes de propaganda online nacionais e estrangeiras, fonte da vultosa receita que obtém, prática que é o foco desta segunda fase da operação.

Os investigados vão responder pelos crimes de constituição de organização criminosa e de violação de direitos autorais.

A primeira fase da operação Barba Negra, deflagrada em novembro do ano passado, retirou do ar o site Mega Filmes HD, também por operar ilegalmente no Brasil.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Compatriotas Brasileiros: Espero para esta operação o mesmo aplauso ovacionado dado à LavaJato!!! Vamos lá!!! Mostremos nosso interesse pelo fim da roubalheira e corrupção!!!

    Curtir

  2. Lázaro Barros da Silva

    Ao invés de só correr atrás dos “donos” dos sites, se vá também atrás dos anunciantes?
    Sem eles os sites não se mantêm no ar, eu acho…

    Curtir

  3. Cesar8002UTB

    Estão gastando dinheiro público para proteger interesses de estúdios americanos?
    É isso mesmo? Nossa grana pra proteger bilionários americanos?

    Curtir

  4. Democrata Cristão

    Tem plano melhor, baixe os impostos para que os produtos originais serem produzidos aqui!

    Curtir

  5. Os dono dos sites tá metendo a mão ganhando em cima do trabalho dos outros e a manezada defendendo. Cara perde emprego em loja,cinema,locadora,industria de prensagem de dvd…por causa de meia duzia de ladraõ,ai os fdp fica ai,defendendo bandido. E outra,tem que ferrar e o Google com o adsense que patrocina essa corja.

    Curtir

  6. Gabriel Lazaro

    Sou um anarcocapitalista , vos quereis falar mal da pirataria e puni la com a mesma justiça que ela causou , é uma logica simples se algo está muito caro vai vir algo de segunda mão pra substituir o produto primario o problema não é o que o sites oferecem pra eles o problema e o dinheiro que governo não recebe com as taxas tributarias

    Curtir

  7. Gabriel Lazaro,pela sua incrível lógica os carros da Ferrari,Lambo,Porsche vão ser substituídos por cópias de 2º mão. Só se pirateia pq não tem lei pra te tacar 3,4 anos no chilindro. E uma punição pra Google com o adsense financiador de tudo que e errado na rede seria uma boa.

    Curtir

  8. Que pais injusto! , a lei devia ser igual para todos.

    Curtir

  9. Argemiro Miro Silveira

    Olha aí a Netflix agindo

    Curtir

  10. Carlos Leonardo

    To rindo aqui com os comentários falando de perda de empregos em locadoras e prenssagem de DVD, como se essas coisas ainda exiatissem como mercado kkk. O futuro é o streming, esses sites só são uma reação a falta de visão e preconceito dos grandes estúdios com as novas tecnologias online. Querem o quê? Que eu tenha que assinar TV a cabo?? Ou que eu tenha que ir na locadora para locar um DVD, vou enfiá-lo aonde no meu celular para assistir??? Cara, isso tudo parece o mesmo que acontece entre taxistas e o Uber, ou seja, uma guerra entre o antiquado e o inovador.
    PF, vá prender o lula que vocês ganham mais, pois fechar site de streming inlegal é inútil. Fecharam 3, sobraram 70 e ainda o torrent.

    Curtir

  11. Ludmylla Fabre

    Que notícia triste. 😦

    Curtir

  12. Renata Camila Silva

    uma pena… ainda mais,num país que nem 50% da população tem acesso aos cinemas …
    meu programa de fds melou… moro em cidade pequena e a locadora demora meses pra atualizar os filmes…

    Curtir

  13. Cinema no Brasil e um absurdo, a pirataria nunca vai parar outros vao aparecer e quem deveria financiar o gasto da policia com esta investigacao deveriam ser os estudios de cinema ja que e a eles que isso interessa.

    Curtir

  14. paulo assis campos

    To rindo aqui com os comentários falando de perda de empregos em locadoras e prenssagem de DVD, como se essas coisas ainda exiatissem como mercado kkk. O futuro é o streming, esses sites só são uma reação a falta de visão e preconceito dos grandes estúdios com as novas tecnologias online. Querem o quê? Que eu tenha que assinar TV a cabo?? Ou que eu tenha que ir na locadora para locar um DVD, vou enfiá-lo aonde no meu celular para assistir??? Cara, isso tudo parece o mesmo que acontece entre taxistas e o Uber, ou seja, uma guerra entre o antiquado e o inovador.
    PF, vá prender o lula que vocês ganham mais, pois fechar site de streming inlegal é inútil. Fecharam 3, sobraram 70 e ainda o torrent.

    Curtir